segunda-feira, 13 de agosto de 2018


XII – REFLEXÕES SOBRE O LIVRO “LIBERTAÇÃO” – ANDRÉ LUIZ/CHICO XAVIER

A explanação de Gúbio, no segundo capítulo de “Libertação”, é repleta de informações as mais significativas.
Agora, daremos destaque ao poder da vontade, inclusive, sobre o mundo microscópico, ou seja, sobre o organismo físico, que abriga milhões de células, que não passam de seres sob o comando de quem o enverga.
Esclarece o Instrutor:
“Dirija um homem a sua vontade para a ideia de doença e a moléstia lhe responderá ao apelo, com todas as características dos moldes estruturados pelo pensamento enfermiço, porque a sugestão mental positiva determina a sintonia e receptividade da região orgânica, em conexão com o impulso havido, e as entidades microbianas, que vivem e se reproduzem no campo mental dos milhões de pessoas que as entretêm, acorrerão em massa, absorvidas pelas células que as atraem, em obediência às ordens interiores, reiteradamente idealizada”.
Notemos que a questão da “obsessão” é muito mais complexa do que, habitualmente, se imagina. A auto-obsessão quando o homem pensa sistematicamente em doença costuma ser avassaladora para a saúde. Notemos que até as células estão sujeitas a serem “vampirizadas” por “entidades microbianas”... Não apenas os seres inteligentes podem ser obsidiados pelos seres inteligentes, estando ou não no corpo físico. Segundo Gúbio: “Existem princípios, forças e leis no universo minúsculo, tanto quanto no universo macroscópico”.
Percebamos, assim, a importância do otimismo, do pensamento buscando sintonia com as ideias elevadas. O homem, igualmente, pode cometer suicídio indireto, acalentando emoções enfermiças, porque, então, fazendo cair a sua resistência, permite que o seu organismo físico seja invadido por seres microscópicos que lhe comprometem a integridade.
Adiante, acrescenta o Instrutor:
“... o doente que se compraz na aceitação e no elogio da própria decadência acaba na posição de excelente incubador de bactérias e sintomas mórbidos, enquanto que o espírito em reajustamento, quando reage, valoroso, contra o mal, ainda mesmo que benéfico e merecido, encontra imensos recursos de concentrar-se no bem, integrando-se na corrente da vida vitoriosa”.
*
O paralelo traçado por Gúbio é interessantíssimo e revelador, e continua valendo mesmo para o espírito desencarnado, de vez que também nós, os considerados mortos, ainda trajamos uma veste constituída por seres que prosseguem evoluindo em nosso próprio corpo espiritual – para tais seres, cada um de nós outros representa o “criador”, ou o “deus”, em cujo seio, no dizer de Paulo, o Apóstolo (“Atos”, 17:28), eles vivem, existem e se movem, estando a caminho da “individualização” e da “consciência”, assim como, há milênios, logramos alcançar a racionalidade.
*
Notemos, ainda, que a questão da “coexistência”, em todos os Planos de Vida, é Lei – a “coexistência” entre luz e sombra, de vez que a sombra, impulsionando a luz a ser mais luz, ela mesma termina por se transfigurar em luz.
A sombra, portanto, não passa de luz temporariamente eclipsada, pois que, na Criação Divina, tudo é luz.
A noite incentiva os dias a serem mais longos...
O mal induz o bem a ser o Bem em plenitude...

INÁCIO FERREIRA

Uberaba – MG, 13 de agosto de 2018.


18 comentários:

  1. Bom dia Dr. Inácio e Baccelli!!
    Excelente explanação!!
    Agradecemos!!
    Excelente dia e semana para todos nós!!
    Fiquemos com o BOM DEUS!! \O/

    Carlos A. Gomes

    ResponderExcluir
  2. Bom dia dr Inácio e Baccelli
    É verdade dr Inácio...na Criação Divina tudo é luz...
    E nós somos filhos Da Luz..
    Como disse Gubio..o espírito em reajustamento quando reage valoroso contra o mal..
    Nós nao somos pouca coisa não dr Inácio...
    Somos filhos do amor..da luz
    Essas reações cabem à nós em uma luta incessante...como disse Paulo *o bom combate*..
    Quando nos dispomos a isso...nosso campo íntimo..vai se iluminando..
    É um caminho longo...porém com infinitas possibilidades..
    Acho que por isso que Jesus quando curava sempre afirmava a tua fé te salvou..vai e não peques mais..isto é não cometa novamente os mesmos erros..
    Por isso para mim dr Inácio..o melhor caminho é o da reforma interior..é o começo da caminhada...
    Quando mudamos...expandimos nossa luz..
    Por exemplo..o orgulho impede que aprendamos a ser humildes..
    Porem..o espírito que já consegue ser humilde expele o orgulho de seu íntimo....criando excelentes condições para evolução..
    O faça-se a luz..nesse instante acontece..e as coisas dentro de nós começam a clarear..
    Bem aventurados os pobres de espírito..pois eles verão a luz...
    Beijos
    Cris

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Dr. Inácio e Baccelli. Como dizemos por aqui, ¨matou a pau¨ na explanação. O pensamento é força criadora que nos impulsiona a agir melhor, é ferramenta de progresso ou derrocada, depende da escolha de cada um. Acabei de ler o livro ¨A Alma do mundo.¨ fico feliz em saber que por aí tem bichanos, seria terrível se eles não existissem em outros planos, dê um beijo em todos para mim. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia a todos!

      Exatamente no dia de seu comentário, prezado Pascale, nossa muito amada Menininha (Maluzinha) passou para o outro lado, não voltando da anestesia após uma pequena cirurgia.

      Se, por acaso, vocês aí do outro lado, receberem uma gatinha branquinha, muito fofa e carinhosa, vira-lata mesmo, que distribui amor pra todo lado- e também malineira como se diz no NE, por favor recebam essa preciosidade com muito carinho. Ela vai retribuir de montão!!!

      Obrigado, Menininha, por dividir conosco sua breve passagem por aqui. Muita brincadeira e felicidade pra você!!!

      Kikinho e Pagodinho lhe mandam um miau caprichado!

      Abraços fraternais a todos

      Excluir
  4. Há inúmeros fenômenos que podemos constatar no cotidiano que nos comprovam o poder que nossas emoções têm sobre nosso estado orgânico (alterações no batimento cardíaco em virtude de um susto, vermelhidão no rosto quando ficamos envergonhados, etc...). As informações que André Luiz nos trouxe apenas dilatam tais observações, de forma a nos conscientizar de que tais fenômenos têm uma influência muito maior do que imaginávamos sobre o equilíbrio de nosso organismo. Outro fato importante que pode ser deduzido é que o espírito já nasce médium! Nossas células "incorporam" (cada uma a seu modo) nossa personalidade, se é que assim podemos nos expressar!

    No livro "Missionários da luz", de André Luiz, no capítulo 7, intitulado "Socorro espiritual", é relatado um socorro a um encarnado que estava prestes a sofrer um AVC e recebeu uma "moratória" de até 5 meses. Eis um trecho interessante, no qual o instrutor Alexandre (meu xará!) orienta a mãe desencarnada do enfermo: "Não se esqueça de preveni-lo, pelos processos intuitivos ao nosso alcance, quanto ao cuidado que deverá manter consigo mesmo no terreno das preocupações excessivas, mormente à noite, quando ocorrem os fenômenos desastrosos mais sérios de circulação, em vista da invigilância de muitas pessoas que se valem das horas sagradas do repouso físico para a criação de fantasmas cruéis, no campo vivo do pensamento."


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo13 de agosto de 2018 12:04

      Boa tarde, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Chegado (Alexandre, 13-08-2018 07:58). Muito bem lembrado o caso narrado por André Luiz (AL) em "Missionários da Luz" (FEB), capítulo 7 - Socorro espiritual. No ano de 2017, uma pessoa, nossa vizinha, sofreu um AVC por causa de perturbações quase semelhantes ao de Antônio! Quando chegamos a nossa residência, recebemos um telefonema do filho da vizinha para transportá-la para um hospital maior e com mais recursos. Essa pessoa estava muito estressada por causa de problemas familiares, bem a existência de outros problemas existenciais. Parabenizamos o seu lembrete! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (16:00)!!!

      Excluir
  5. Dr. Inácio, boa tarde.

    Já de alguns lustros acompanho a sua luta e as suas obras com grande admiração. Como trabalhador espírita sei muito bem das dificuldades que nos são impostas por nossos irmãos que ainda estão em faixas vibratórias baixas. Mas jamais podemos desistir, pois “A vida continua...”, como já disse o nosso irmão André Luiz, e as nossas missões e obrigações ainda estão muito longe de ser encerradas. Certo mesmo estava Chico Xavier, que, como todo bom “mineirinho”, trabalhava em silêncio...
    Pois bem, o motivo desta minha manifestação é o seguinte: Sou instrutor, no meu Centro Espírita, do curso ESDE e Nosso Lar. E, na última aula - para minha surpresa, uma das minhas queridas alunas me deixou sem resposta quando me fez o seguinte questionamento: No livro Nosso Lar, logo no Capítulo 2 – Clarêncio, podemos apreciar o seguinte relato de AL:
    - "Suicida! Suicida! Criminoso! Infame!" - gritos assim, cercavam-me de todos os lados. Onde os sicários de coração empedernido?
    E a pergunta dela foi: Como é possível que criaturas localizadas em Zonas Inferiores, ainda em estado de ignorância e animalidade possam “ler” a vida pregressa de AL e tomarem conhecimento de suas mazelas? Que poder é esse, já que sabemos que somente Mentores e Instrutores Superiores podem ler pensamentos e auras?
    Como já disse, fiquei sem resposta para dar, mas prometi que iria buscá-la em algum lugar, e, como não podia deixar de ser, lembrei-me de imediato do senhor.
    Muito agradeceria sua ajuda para este também ignorante “instrutor”.
    Um grande abraço para o senhor e também para o Doutor Odilon Fernandes, pois que, também sou grande admirador dele.
    Ribeiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As emissões inferiores que ele emitia por não ter tratado do seu corpo enquanto encarnado, gerado pel
      a culp
      a,tem um padrão baixo, que são percebidos pelos espiritos com mesma vibr
      ação.

      Excluir
  6. Cadichon Pirilampo14 de agosto de 2018 06:45

    Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! J. Ribeiro Carneiro (13-08-2018 12:30). Permita-nos responder, embora não estejamos credenciados especificamente pelo Dr. Inácio Ferreira (IF) e/ou pelo médium C.A.B! O capítulo 2 - Clarêncio -, de "Nosso Lar" (FEB), de André Luiz (AL), no primeiro parágrafo, retrata a observação dos espíritos invisíveis no Umbral sobre as mazelas gravadas no corpo espiritual (= perispírito, psicossoma, etc.) de AL naquele momento depois que retornou ao Planeta Espiritual chamado Terra verdadeiro (= "O Outro Lado do Espelho" = Mundo Espírita ou Mundo dos Espíritos = o Além, etc.). Aquelas marcas perispirituais eram o resultado do estilo de viver que AL acumulou durante a sua existência encarnada no Brasil no século XIX-XX. Se lermos as questões 237 a 256 - Percepções, sensações e sofrimentos dos Espíritos e 257 - Ensaio teórico da sensação nos Espíritos de "O Livro dos Espíritos", então teremos ampliada nossa compreensão sobre aquela observação daqueles espíritos vivendo no Umbral ("Nosso Lar", cap. 12 e 44 - As trevas). O simples fato de viver no Umbral não elimina os poderes inerentes aos Espíritos, que os empregarão relativamente ao grau de evolução moral e intelectual conquistado. Sugerimos uma leitura atenta da série "Como você interpreta?!" que pode ser acessada no item "Arquivo do blog", período de 2016, 2017 e 2018, na parte direita de quem vê a tela do monitor neste blog. Se o nobre irmão ler Marcos 5:1-20, Lucas 8:26-39 e Mateus 8:28-34, então perceberá que um espírito integrando um grupo chamado "Legião" disse sobre Jesus: "Que queres de mim, Jesus, filho do Deus Altíssimo?...". Todos esses fatos são naturais e inerentes a todos os Espíritos guardadas as devidas proporções de adiantamento moral e intelectual. Deus, Jesus Cristo e os Bons Espíritos abençoem o irmão e aos que estão no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (10:36)!!!

    ResponderExcluir
  7. Bom dia meus amigos

    J.Ribeiro Carneiro , pelo que entendo atualmente (estamos montando o conhecimento em nós ) grande número de espíritos de evolução semelhante a nós (inferiores) vivem em regime de estreita simbiose conosco . Não precisam das faculdades psíquicas altamente evoluídas para saber quem nós somos! Eles nos conhecem porque convivem conosco no dia a dia . Muitas vezes seguem nossos passos na encarnação inteira . É como acontece por "aqui". Gostamos de fofocas e os desencarnados nossos "amiguinhos" também .
    Gostaria da opinião dos amigos e ou Dr Inácio e Bacelli a respeito porque posso estar enganado na avaliação.

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde meus irmãos Cadichon Pirilampo e Gerson Cecatto.

    Bastante sensibilizado pela carinhosa atenção recebida, quero agradecer de coração pelos esclarecimentos recebidos. Estou agora mais convicto do que nunca da minha falta de atenção e dedicação às leituras e sinais que nos foram passados por nossos maiores. Interessante que, com o passar do tempo, apesar de ter estudado incontáveis vezes a Boa Nova (culto do Evangelho no Lar), e o Livro dos Espíritos, parece que fiquei um tanto "anestesiado" para as informações esclarecedoras que tanto nos consolam. Estou aqui fazendo o meu "mea culpa" e prometo aumentar a vigilância em tais assunto, até mesmo em respeito a carinhosa atenção dos meus irmãos, como já disse. Que o Mestre Jesus nos abençoe e nos guarde. Muito obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo15 de agosto de 2018 05:27

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! J. Ribeiro Carneiro (14-08-2018 13:04)! Agradecemos a gentileza de suas palavras pelo nosso trabalho de apoio ao conhecimento dos irmãos do caminho em direção ao Pai Celestial! Convidamos o nobre irmão para participar, direta ou indiretamente, do "Grupo dos Seis" [Inácio Ferreira, Odilon Fernandes, Maria Modesto Cravo, Domingas (Maria Rodrigues Salvador), Manoel Roberto da Silva e Paulino Garcia), o do "Um Pouco mais Além", de "Os Mensageiros", ou, até mesmo, a "Legião dos filhos de Deus" na busca de ser "trocadores" de ideias, opiniões, buscadores do conhecimento e dos sentimentos fraternos! Deus, Jesus Cristo e os Bons Espíritos abençoem ao irmão e àqueles no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:25)!!!

      Excluir
  9. Dr. Inácio, as pessoas hipocondríacas mantêm um padrão de pensamento negativo alimentado pelo receio de virem a desenvolver uma doença grave e incurável. Relatam sintomas imaginários, insistem em fazer exames auxiliares de diagnóstico, sem cessar, para esclarecer se sim ou não. Caso o resultado seja negativo, escolhem outro tipo de doença e tudo recomeça do princípio. Um dia são mesmo contempladas com a doença abrigada mas tão indesejada. Os obsessores tiram partido desse estado patológico fortalecendo-o até anularem a criatura. A Doutrina Espírita tem um papel determinante no esclarecimento que oferece, ensinando a importância da prece, reforma moral, da prática da caridade e do pensamento positivo. Caso os ensinamentos sejam absorvidos e seguidos pelo perseguido, os obsessores se rendem e afastam ou se renovam e beneficiam dos ensinamentos administrados. De fato, manter um padrão de pensamento elevado na moral do Cristo faz toda a diferença. Grata como sempre. Abraço carinhoso à equipa. Noémia

    ResponderExcluir
  10. Cadichon Pirilampo15 de agosto de 2018 05:53

    Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Poder da vontade. Na sua mensagem desta semana, Inácio Ferreira (IF) comenta o poder da vontade conforme Gúbio expõe no capítulo 2 - Palestra do instrutor de "Libertação" (FEB), de André Luiz através de Francisco Cândido Xavier. Nessa linha de pensar, lembremo-nos de que cada um de nós é um filho de Deus com o potencial de ampliar os talentos gravados em nossa consciência imortal e compreender esse potencial na Natureza. Um desses talentos é a vontade, que é, guardada as devidas proporções, a imagem e a semelhança daquela Vontade Maior (a de Deus) expressa naquele Pensamento Divino "Faça-se a Luz" e a luz foi feita" ("O Livro dos Espíritos", pergunta 38 e Gênesis 1:3)! Mas, o Creador do Universo deixa-nos a liberdade (o livre-arbítrio, a vontade) de escolher entre a luz e a sombra na chamada "...questão de 'coexistência', em todos os Planos da Vida, é Lei..." (IF). Detalhando um pouco mais sobre essa "coexistência", Paulino Garcia (PG) psicografou "Entre a Sombra e a Luz" (LEEPP). Com outras palavras, André Luiz (AL) escreveu "Entre a Terra e o Céu" (FEB) e IF ofereceu-nos "Assim na Terra como no Céu" (Didier)! Bem, viver em um grande espelho da Vida, depende dessa vontade em sintonia ou dessintonia com a Vontade Divina "...lei geral que rege o universo..." ("O Livro dos Médiuns"-282:8)! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:50)!!!

    ResponderExcluir
  11. Queridos Doutores Baccelli/Ferreira


    Saudações de Paz e Amor !

    “A sombra, portanto, não passa de luz temporariamente eclipsada, pois que, na Criação Divina, tudo é luz.
    A noite incentiva os dias a serem mais longos...
    O mal induz o bem a ser o Bem em plenitude...” (Inácio Ferreira por Carlos Antônio Baccelli)

    “O que faz um médium não é o seu nome e sim as suas atitudes”, eu concordo plenamente !!!

    Parafraseando, o que faz um homem não é o seu nome, e sim suas atitudes... (antes das atitudes tomadas, elabora-se o Pensamento, o início é o Pensamento).
    Portanto, sobre a Inteligência da treva, é um tema recorrente, há muito discutido e pouco absorvido no entendimento, se o espírito encontra-se numa região trevosa e tem técnicas e poderes adquiridos, mas não desenvolveu em sua plenitude o Amor !!! Esse espírito sofre, pois é preso dele mesmo, pois só o Amor Liberta !!!

    Criam-se prisões, sintonias, desde os átomos, as células, tudo é natureza (Modelo de cada Dimensão: de cada mundo) e a natureza é regida pelas Leis Divinas, e aqui indico as obras psicografadas pelo Carlos Antônio Baccelli, do Dr. Inácio Ferreira. E a pergunta: Qual obra? Todas !!!!

    A questão da indicação das obras, não é devido à enorme quantidade psicografada e publicada por Dr. Baccelli, mas com certeza a grande qualidade apresentada em seus livros.

    Então, a questão da indicação do livro é devido ao conteúdo, a mensagem que traz, as reflexões que nos obrigam a fazer !!!

    Um Viva a Kardec, Chico Xavier e os amigos de Chico Xavier !!!


    Luz !
    Um final de semana abençoado, com Jesus nos amparando, protegendo e iluminando !

    Gratidão Dr. Inácio Ferreira, meus pensamentos de Amor, para o Sr. e toda a sua equipe !!! Bênçãos Divinas sempre !!!


    Um grande abraço de sua filha do coração!!!
    Cristiane Sonia Arroyo
    Ribeirão Preto - SP

    ResponderExcluir
  12. "Notemos, ainda, que a questão da “coexistência”, em todos os Planos de Vida, é Lei – a “coexistência” entre luz e sombra, de vez que a sombra, impulsionando a luz a ser mais luz, ela mesma termina por se transfigurar em luz.
    A sombra, portanto, não passa de luz temporariamente eclipsada, pois que, na Criação Divina, tudo é luz."

    Obrigado Dr Inácio / Baccelli!
    Esse trecho final de sua mensagem semanal foi extraordinário. Faz a gente pensar na interdependência entre tudo é todos na Creação Divina e na Lei de Solidariedade Universal. Está semana estudamos a mensagem em grupo e todos gostaram . Pretendemos continuar com essa experiência todas as semanas . Tenho certeza que o grupo se fortalecerá . Mais uma vez obrigado .

    ResponderExcluir
  13. Boa tarde !! Na paz!! Tá tudo certo !
    Irmão !, Cadin-Piri. Com muita propriedade , você passou a "receita " aos atormentados com a hipótese do suicidio!! Que , tanto anda atualmente , incomodando a pupulcao encarnada no planeta! Pois, cremos, a falta de auto estima, seria o tormento atual da população terráquea, que busca em mil e um subterfúgios , compensar essa confusão mental que nos acotovelamos atualmente!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo17 de agosto de 2018 06:20

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Dom Tamer (16-08-2018 09:49) Agradecemos a sua bondade pelo que escreveu. Acredite, a "receita" que passamos é o que imaginamos compreender a respeito dos pensamentos vivos dos Irmãos Espirituais através de abnegados médiuns! Se nós lermos bem o conteúdo da pergunta 258 de "O Livro dos Espíritos", então essa 'receita' estará estampada neste conteúdo. Nesta manhã, durante o nosso café matinal espiritual (prece, leitura de algumas obras de Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti), efetuamos a leitura parcial de uma obra espiritualista de uma autora A, onde encontramos traços daquela "receita". Ficamos surpresos, porque nossos "...olhos de ler..." (Inácio Ferreira - "Estudando 'Nosso Lar') se ampliaram nesse assunto sobre o poder da vontade! No seu texto, você mencionou "...você passou a 'receita' aos atormentados com a hipótese do suicídio!...", frase que nos sinaliza a leitura das obras "Acidente da Razão: um estudo sobre aqueles que partem da Terra pela ação das próprias mãos; suicídio não resolve" (Editora Espírita Gabriel Martins, 1ª edição, 2017), de Gabriel José Delgado Martins/Nilton César Stuqui. Paralelamente, ler com "Para Sempre com meu filho: conversas de uma médica com o Outro lado da Vida" (Pensamento, 1ª edição, 2016)! Eles são alguns dos Irmãos Espirituais que sintonizamos indiretamente, pois somos apenas um médium intuitivo muito enferrujado! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (10:15)!!!

      Excluir