domingo, 2 de dezembro de 2018


XXVII – REFLEXÕES SOBRE O LIVRO “LIBERTAÇÃO” – ANDRÉ LUIZ/CHICO XAVIER

Encerrando o capítulo IV – “Numa Cidade Estranha” –, André Luiz relata que, caminhando pela cidade, subiram por uma rua íngreme e, de repente, avistaram palácios estranhos que surgiam, imponentes...
Embora estivessem numa cidade semelhante àquelas da Idade Média, os três amigos haviam alcançado “praças bem cuidadas, cheias e povo”, que ostentavam “carros soberbos, puxados por escravos e animais.”
Notemos que descrição impressionante é digna dos enredos de filmes que Hollywood produz, tentando retratar a vida dos homens há séculos...
“Liteiras e carruagens transportavam personalidades humanas, trajadas de modo surpreendente, em que o escarlate exercia domínio, acentuando a dureza dos rostos que emergiam dos singulares indumentos.”
Seria tudo aquilo mera criação mental daquelas entidades que viviam na Dimensão subcrostal?! Com certeza, não. Tais espíritos, assim como distintos portugueses desencarnados, haviam edificado, no século XVI, a cidade de “Nosso Lar”, edificaram aquela cidade lúgubre, em cujo centro se concentravam os “senhores” que ali haviam estabelecido o seu feudo espiritual...
Segundo André, era um reino de misérias, favorecendo a poucos “privilegiados”!
De repente, com certeza sendo notados em seu porte diferente, e até mesmo em suas vestes, os três foram interpelados por alguém que a eles se dirigiu descortês.
- Que fazem?
Era um homem alto, de nariz adunco e olhos felinos, com todas as maneiras do policial desrespeitoso, a identificar-nos.
- Procuramos o sacerdote Gregório, a quem estamos recomendados – esclareceu Gúbio, humilde.
Sintetizando, André informa que a sentinela os conduziu à presença de Gregório, que não os recebeu com hospitalidade. Possivelmente, com as suas percepções aguçadas, o sacerdote, que ali dominava, vivia à espera de adversários de seus planos – convém, novamente, informar que Gregório era o Papa Gregório IX, desencarnado em 1241, em Roma, Itália. Ora, há quantos séculos, em espírito, Gregório permanecia naquela situação espiritual?!...
Tendo André Luiz, o Dr. Carlos Chagas, desencarnado na década de 30, no século XX, podemos dizer que Gregório estacionara naquela condição, no mínimo, há quase sete séculos, ou seja, 700 anos!...
Que pensam os nossos internautas a respeito?! Gregório, com a sua força mental – espírito altamente intelectualizado, sem dúvida –, poderia sustentar-se por tanto tempo em seu corpo espiritual?!...
O diálogo a seguir nos demonstra que ele, Gregório, tinha perfeita noção de sua desencarnação – sabia que não mais estava na Crosta.
- Vieram da Crosta, há muito tempo?
- Sim – respondeu nosso Instrutor –, e temos necessidade de auxílio.
- Já foram examinados?
- Não.
- E quem os enviou? – inquiriu o sacerdote, sob visível perturbação.
- Certa mensageira de nome Matilde.
O anfitrião estremeceu, mas observou, implacável:
- Não sei quem seja (...).
*
Antes de concluirmos os estudos da semana, necessitamos dizer que, igualmente, nas Esferas Espirituais, o perispírito está sujeito à menor ou menor capacidade longeva. Sobre a Terra, se alguns vivem apenas alguns minutos, ou não mais que poucos dias, outros alcançam idade quase centenária, não é assim?!...
Este tema, sem dúvida, é um desafio aos estudiosos do Espiritismo, que, infelizmente, sobre ele têm se calado.

INÁCIO FERREIRA

Uberaba – MG, 3 de dezembro de 2018.


20 comentários:

  1. Aécio Emmanuel César3 de dezembro de 2018 01:47

    Bom dia Dr. Inácio e Baccelli. Com certeza esse assunto merece de nós melhor atenção. Narrativa impressionante que mesmo passado tanto tempo ainda nos dá um nó no cérebro, não é mesmo? A matéria quintessenciada do perispírito pode manifestar-se tal qual era a sua fisionomia na Terra, mas com certeza eles não sabiam da degradação feita por eles do próprio espírito pois não haviam espelhos nesses locais. Ou haviam? Ou sabiam da sua forma animalizada e se acostumaram com ela. Ótimo assunto dessa semana. Forte abraço a todos. Aécio Emmanuel César

    ResponderExcluir
  2. Bom Dia Dr. Inácio e Baccelli. EM ¨O Livro dos Espíritos¨ há uma pergunta (Não sei o número) que trata da questão do tempo para os espíritos. Pelo que eu entendi, o tempo estaciona ou se arrasta para os espiritos sofredores, ao passo que avança para aqueles que querem melhorar. É comum espíritos sofredores darem a data da sua desencarnação como data atual, mesmo já tendo passado alguns séculos. É como se para eles tudo houvesse parado naquele dia, esse fenômeno é comum entre os suicidas. Questões científicas que nos deveríamos estudar mais. Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Bom dia a todos, Gregório tornou-se cardeal-bispo de Óstia em 1206, deve ter conhecido o trabalho de Francisco de Assis,(1182-1226), mas não foi tocado em seu coração pela humildade do Poverello.
    Boa semana e muita luz nas nossas mentes.

    ResponderExcluir
  4. Dr. Inácio, em um de seus livros o Sr. comenta essa troca de corpo e cita o artigo do Chico Xavier. Por favor nos explica um pouco mais sobre isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo3 de dezembro de 2018 13:41

      Boa noite, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Elizabeth (03-12-2018 06:04). Por gentileza, poderia esclarecer qual foi o livro em que o Dr. Inácio Ferreira comenta essa possível troca de corpo, que a nobre irmã se referiu? Desta forma, poderíamos auxiliar! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (19:37)!!!

      Excluir
    2. Cadichon Pirilampo3 de dezembro de 2018 15:18

      Boa noite, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Elizabeth (03-12-2018 06:04). Permita-nos auxiliar, embora não estejamos especificamente indicados pelo Dr. Inácio Ferreira (IF) e/ou pelo médium C.A.B.! Poucos minutos atrás, solicitamos a nobre irmã informações sobre o livro em que IF comentou algo sobre troca de corpo e citou o artigo do Chico Xavier. Largamos nossa navegação pela Internet e realizamos uma tarefa em nossa residência. Depois, fomos meditar sobre como auxiliá-la. Possivelmente, Elizabeth (E.) deve ter lido ou está lendo o capítulo 36 - Quebrando a cabeça de "Espírito é Gente!" (LEEPP, 1ª edição, outubro 2014). Neste capítulo, lê-se que "...Chico Xavier que, evidentemente, era muito mais sábio e sabido do que eu e você somos, aceitava que um espírito pudesse substituir outro no corpo de um adulto. Estranho, não é? Mas, sinceramente, eu não tenho cacife espiritual para discordar do Chico; se você tem ou mais alguém julga ter, isto é outra coisa..." (página 131 do livro mencionado). Na obra "Reencarnação no Mundo Espiritual" (LEEPP, 1ª edição, junho de 2008, capítulo 21, página 210-211), IF narra que Chico Xavier dialogara com José Martins Peralva Sobrinho (1918-2007) sobre o conteúdo do livro "Entre os Monges do Tibete". Neste, o autor (Lobsanga Rampa = Cyril Hoskins, 1910-1981), no capítulo 1, escrevera que "...Você deverá escrever frisando o tema de que uma pessoa pode apoderar-se do corpo de outra, tendo inteiro consentimento da última. Uma voz". Mais tarde, no livro "Meu Filho Nasceu no Além" (LEEPP, 1ª edição, outubro de 2013), Paulino Garcia (PG), no capítulo 11 - Jamile conosco -, psicografou o diálogo entre Odilon Fernandes (OF) e outros Amigos Espirituais, no qual OF descreveu, resumidamente, aquele assunto enfocado pelo IF na obra "Reencarnação no Mundo Espiritual". Portanto, esclarece-se que Chico Xavier não escreveu artigo mencionando o conteúdo daquele livro do Lobsanga Rampa. Na atualidade, parece-nos que aquela troca de corpo (como você escreveu) ainda está circunscrita naquele círculo espiritualista e necessita de melhor aprofundamento pelos Espíritos Amigos esclarecidos. Bem, perdoe-nos não ter esclarecido o assunto completamente! Deus, Jesus Cristo e os Bons Amigos Espirituais abençoem a você e a todos no seu campo de energia espiritual. Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (21:10)!!!

      Excluir
    3. O autor Espiritual J.W. Rochester através da médium Vera k. Trata desse assunto em alguns de seus livros . O Livro "Naema a bruxa" desse mesmo autor é muito interessante. Tem outro título que explica muito bem , do mesmo autor , mas não estou recordando . Lembro claramente do ritual realizado para se fazer o "AVATAR". Esses livros são do final do século XIX ou início do século XX ,portanto são centenários. Ouço muitos dizerem que não lêem os livros desse autor porque são "viajados" demais ,pura ficção . A descricao se assemelha ao que vemos no filme AVATAR. Quem não assistiu assista , e bate com o que o Chico diz também.

      Excluir
    4. Cadichon Pirilampo5 de dezembro de 2018 04:45

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Gerson Cecatto (04-12-2018 12:02). Na obra "Na Casa de Meu Pai..." (LEEPP, 1ª edição, abr 2013), de Inácio Ferreira (IF) pelo médium C.A.B., lê-se nos capítulos 33 a 35 assuntos comentados por IF sobre o livro "Romance de uma Rainha" (FEB, vol. I e II). Nesses capítulos, IF responde às perguntas mentais feitas pelo médium. Portanto, todo e qualquer livro pode ser lido normalmente para quem, no Movimento Espírita, tenha a mente aberta e tenha lido e estudado as obras básicas! Também constatamos o que você declara "...Ouço muitos dizerem que não leem os livros desse autor porque são 'viajados' demais, pura ficção..." Esses irmãos têm o direito de ler ou aquele livro! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (10:42)!!!

      Excluir
  5. Bom dia Dr.Inácio e Baccelli!!
    Excelente texto,me fez refletir bastante. Agradeço!!

    Obrigado!!
    Excelente dia e semana para todos nós!!
    Fiquemos com o BOM DEUS!! \O/

    ResponderExcluir
  6. Peço por favor que não interpretem mal minha observação, quero apenas demonstrar uma dúvida.

    Nas obras "GREGORIO IX" e "CONFIDENCIAS DE UM INCONFIDENTE" da médium MARILUSA M. VASCONCELLOS e do espírito TOMAS A. GONZAGA, é narrado, com detalhes, a história do papa Gregório. De acordo com estas obras citadas o impiedoso inquisitor reencarnou no Brasil no século XVIII como Tiradentes, a fim de resgatar seus débitos anteriores.

    Nas elucidações deste artigo, Dr. Inácio afirma que o protagonista de Libertação é o mesmo papa Gregório IX e esteve na erraticidade por no mínimo 700 anos, ou seja do século XIII ao século XX.

    Fiquei na dúvida, estaríamos falando do mesmo Papa Gregório?

    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo4 de dezembro de 2018 05:04

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Breno Pinheiro (03-12-2018 08:22). Permita-nos auxiliar embora não estejamos especificamente autorizados pelo Dr. Inácio Ferreira (IF) e/ou pelo médium C.A.B.! Inicialmente, diremos que todos nós, Espíritos encarnados e desencarnados, temos muitas dúvidas também em todos os campos do conhecimento humano, que ainda registra muitos mistérios (enigmas, charadas, etc.)! Esclarecemos que, na obra "Irmã Vera Cruz" (IDE, 1ª edição, 1980), o autor (Elias Barbosa, 1934-2011), relatou que, em 1959, perguntou a Francisco Cândido Xavier (1910-2002: - "O Gregório de Libertação será quem muitos pensam que seja?" Chico Xavier respondeu: - "Sim, trata-se de Gregório IX, que não se emocionou com a presença física de seu contemporâneo Francisco de Assis e criou o Tribunal da Inquisição." (Parte II - Apêndices - Apêndice B, relação de obras citadas, item 12 - Libertação - da obra Irmã Vera Cruz). Nessa época e até 1988, o Dr. IF ainda se encontrava reencarnado e morava em Uberaba, MG. Posteriormente, como ser invisível, psicografou mensagens semanais no antigo blog - http://inacioferreira-baccelli.zip.net -, incluindo "Matilde e Gregório" (não conseguimos localizar a data). Mas, a mesma foi republicada no livro "Diálogos com o Dr. Inácio" (Didier,....) no capítulo 31 - Matilde e Gregório. Qual seria o caminho natural para esclarecer essa possível dúvida entre os dois conteúdos mencionados por você? Usar o método científico preconizado pelo Espiritismo e convocar os Espíritos narradores por médiuns diferentes e de diversos lugares, não é mesmo? Por enquanto, salvo melhor juízo, estamos diante de notícias em aparente contradição por dois médiuns diferentes no Brasil. Mas, essas contradições aparentes são comuns, como se lê em sites de divulgação científica sobre assuntos A, B ou C por diferentes nomes na comunidade científica. Aguardemos melhores esclarecimentos por parte dos Espíritos Amigos! Em vários outros sites encontramos a mesma dúvida assinalada por você! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (10:57)!!!

      Excluir
    2. Bom questionamento, Breno. Eu também gostaria de ser esclarecido: afinal, Gregório IX voltou à carne como Tiradentes ou não?
      Com a palavra o Dr. Inácio...
      Antonio Baracat

      Excluir
    3. Tem que esclarecer!

      Antonio Baracat

      Excluir
    4. Caro irmão Cadichon, agradeço o carinho e o tempo despendido na elucidação da minha dúvida. Algumas vezes já tive o desagrado de ser hostilizado por ter levantado uma dúvida como esse, confesso que tive receio em trazer esse assunto em pauta. De toda forma acredito que o verdadeiro valor está na mensagem e no conhecimento proposto através da narrativa destas incríveis obras referidas. Que Jesus traga cada vez mais luz a este projeto e aos amigos participantes. Um abraço!

      Excluir
  7. Bom dia meus amigos!

    Sem uma compreensão mais ampla dos termos "mundo espiritual" e "corpo espiritual" e da Vida nas variadas "esferas" Que compõe o "habitat" planetário chamado TERRA nossa visão de mundo espiritual não passará de cópia da imagem do chamado "céu" dos católicos.
    É necessário desconstruir para reconstruir com base nas informações recebidas dos Espíritos amigos que trabalham pela evolução do pensamento humano . Para isso precisamos ler e pensar no que estamos lendo , ou seja , estudar com profundidade , de forma que a mente se expanda abrindo caminho rumo ao infinito .
    Ainda , para a maioria dos espíritas, mundo espiritual e corpo espiritual é entendido no singular .
    Por exemplo: os habitantes de "NOSSO LAR" , cidade situada na esfera "Umbral fino" , como temos estudado , não compõe a comunidade dos desencarnados da TERRA ESPIRITUAL que serve de habitação para nós atualmente . Não sei se estou me fazendo entender . Os desencarnados da crosta terrestre estão localizados na psicosfera ou duplo da "nossa" Terra . Lembrando que o "hábitat" planetário é composto de 7 Terras , 7 esferas concêntricas e cada uma delas tem o "seu" mundo espiritual . Lembram que o Dr Inácio nos pede para desenvolver a visão quântica das coisas ?! A Dna Laura e seu esposo tem domicílio em NOSSO LAR, ou seja , já conquistaram o direito de permanecer realizando suas experiências evolutivas em esfera mais elevada , retornando à Terra de "baixo" (A nossa TERRA) mais em missão de auxílio do que por necessidade própria. Quando desencarnarem retornam para "casa" ; enquanto que a humanidade comum , transita entre a Crosta e o seu Doplo sem maior consciência do ocorrido .
    Como sempre submeto o texto à apreciação dos amigos e correções.
    Abraço a todos .

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde ! Na paz! Tá tudo certo !
    Excelente observação ! Irmão Breno Pinheiro . Dentro do qye a de mais grandiosidade na doutrina dos espíritos!!! O exercício da: FÉ RACIOCINADA!!! O livro em referencia : DE MÁRIO A TIRADENTES.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Breno e Dom Tamer, estou com a mesma dúvida: afinal onde encaixar o Papa Gregório IX? Na narrativa de André Luiz ou na narrativa de Tomás Antônio Gonzaga?
      Obrigado,
      Antonio Baracat

      Excluir
  9. Olá a todos, na passagem " ...tentando retratar a vida dos homens há séculos..." somando com outra passagem do livro “O mal é o desperdício do tempo ou o emprego da energia em
    sentido contrário aos propósitos do Senhor." Eu pergunto fazer o mal é voltar ao passado é aplicar a tal da lei de que E=mc2 Teoria ou Princípio da Relatividade, desenvolvida pelo físico alemão Albert Einstein.
    Silvano/Sorocaba/SP.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo6 de dezembro de 2018 03:13

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Silvano (05-12-2018 02:42). Permita-nos ajudar a sua compreensão. O trecho "...tentando retratar a vida dos homens há séculos..." é uma declaração de Inácio Ferreira (IF) sobre as narrações de André Luiz (AL), da qual IF fala sobre a narrativa de AL no capítulo 4 - Numa cidade estranha -. Por isso, IF declarou "...Notemos que descrição impressionante é digna dos enredos dos filmes de Hollywood produz,..." (mensagem de 02-12-2018). É apenas um comentário de IF sobre o conteúdo em apreciação por ele! A frase "...O mal é desperdício do tempo ou o emprego da energia em sentido contrário aos propósitos do Senhor..." é do Ministro Flácus, capítulo 1 - Ouvindo elucidações. Lendo estas elucidações (de Flácus), nota-se que ele compara a força (energia) mental com a energia elétrica (eletricidade) no trecho "...O espírito humano lida com a força mental, tanto quanto maneja com a eletricidade, com a diferença, porém, de que já aprende a gastar [desperdiçar] a segunda, no transformismo incessante da Terra, que nos preside a todos os atos da vida..." Mais adiante no mesmo capítulo, Flácus é claro quando opinou que "...O inferno, por isso mesmo, é um problema de direção espiritual. Satã é a inteligência perversa. O mal é o desperdício do tempo ou o emprego da energia [mental, espiritual, de direção espiritual, etc.] em sentido contrário aos propósitos [as Leis Morais] do Senhor..." Dentro da moldura da Física Moderna (Teoria da Relatividade e da Teoria da Mecânica Quântica), a consciência [a inteligência, o espírito, a alma, a mente, etc...) está sendo pouco a pouco introduzida através dos trabalhadores encarnados e desencarnados no campo amplo da Ciência. Ilustra-se esta noção, quando Bezerra de Menezes psicografou "Gravitação espiritual" ( livro "Cristo em Nós", LEEPP, 1ª edição, ago 2017), certamente, ele compreendeu a Física no sentido amplo da Espiritualidade: Religião, Filosofia e Ciência! Esta compreensão "...um pouco mais além..." permite a inclusão do espírito no grande campo da unidade do conhecimento humano, conforme se lê, medita e aprende no capítulo 27 de "O Livro dos Espíritos"; "...Deus, espírito e matéria constituem o princípio de tudo o que existe, a trindade universal..."! Neste aspecto, a pergunta e a resposta da pergunta 28 é muito clara! Perdoe-nos se não fomos muito claros nesta participação! Deus, Jesus Cristo e os Bons Amigos Espirituais abençoem o nobre irmão e a todos no seu campo de energia espiritual (mental)! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:00)!!!

      Excluir
  10. Agora sim!!! Fiquei pior que antes< Quantas dúvidas!!!!! Preciso de um fôlego!

    ResponderExcluir