segunda-feira, 16 de abril de 2018


COMO VOCÊ INTERPRETA?! – LIII

No encerramento do capítulo 48, de “Nosso Lar”, André narra o emocionante encontro de Ricardo, que já estava reencarnado, com a família – Dona Laura, não nos esqueçamos, estava prestes a reencarnar, e, no outro dia, na companhia de Clarêncio, tomaria a direção da Terra, dando início aos preparativos imediatos para a sua volta ao corpo.
*
Ricardo, então, parcialmente liberto do corpo, manifesta-se, com o concurso de médiuns de efeitos físicos, num “globo cristalino”, espécie de TV de plasma, cujo surgimento André Luiz antecipa em várias décadas.
Interessante que, antes da materialização, maravilhoso hino, composto pelos filhos de Ricardo, é cantado ao som do piano, da harpa e da cítara.
*
Nos dias que correm, a Ciência anuncia que descobriu a existência de um novo órgão no corpo humano: o mesentério, ou interstício, formado de tecido conjuntivo – uma espécie de “plástico bolha” que reveste e protege quase todos os demais órgãos importantes do corpo.
A pergunta é a seguinte: há quantos anos o corpo vem sendo dissecado pelos anatomistas, e perquirido pelos fisiologistas, sem que eles, tendo semelhante órgão à vista, pudessem atinar com a sua existência?!
Quando será que, praticamente, tendo o Mundo Espiritual à vista da lógica, a Ciência confirmará a tese de sua existência, que, há mais de século e meio, vem sendo sustentada pelo Espiritismo?!...
*
Emocionante quando Judite, filha de Ricardo e Laura, abraça-se à figura do pai no “globo cristalino”, e lhe endereça, em nome da família, interessante pergunta:
- Pai querido, diga o que precisa de nós, esclareça em que poderemos ser úteis ao seu abnegado coração?
Dialogando com a filha com extremado carinho, Ricardo, então, responde, ao questionamento filial, com transcendente sabedoria:
- Ah! filhos meus, alguma coisa tenho a pedir-lhes do fundo de minhalma! roguem ao Senhor para que eu nunca disponha de facilidades na Terra, a fim de que a luz da gratidão e do entendimento permaneça viva em meu espírito!... (destacamos)
Em qualquer outra circunstância, com certeza, nós outros, haveríamos de pedir exatamente o contrário do que Ricardo solicitou – aliás, os homens encarnados, com raras exceções, vivem exorando ao Mundo Espiritual pela concessão de facilidades e privilégios a eles...
*
Após a reunião ter sido encerrada com uma prece formulada pelo Ministro Clarêncio, ele se aproximou de André Luiz e o convidou para que, no outro dia, integrasse a equipe que acompanharia Laura nos passos iniciais de seu processo reencarnatório.
Note-se que André Luiz, pelos cálculos efetuados, estava há cerca de dez anos sem visitar o seu lar. Após a sua permanência de quase nove anos em uma das regiões umbralinas, permanecera durante quase um ano em tratamento ativo em um dos hospitais de “Nosso Lar”...
*
E há gente que pensa que, ao deixar ao corpo, sairá volitando por aí, feito uma borboleta, tomando a direção que bem lhe aprouver aos mais diferentes campos do Universo...
Quanta ilusão!...
Ou, sem ofensa, quanta ignorância!...

INÁCIO FERREIRA

Uberaba – MG, 16 de abril de 2018.

68 comentários:

  1. Bom dia Dr. Inácio e Baccelli. O senhor, Dr. Inácio não tem que desculpar pela ignorância que ainda nos apodera, prendendo-nos nos cipoais da ilusão e,

    ResponderExcluir
  2. Aécio Emmanuel César16 de abril de 2018 02:30

    ´Bom dia Dr. Inácio e Baccelli. O Senhor, Dr. Inácio não tem que pedir desculpas não. Somos ainda ignorantes da realidade da vida depois da morte onde nos mergulhamos de cabeça nas ilusões terrenas e isso vale também para nós espíritas. Temos muito que aprender com a Espiritualidade Amiga e graças a ela, hoje sabemos um pouquinho mais da nossa existência cósmica. Obrigado pela exatidão de pensamento. forte abraço a todos. Aécio Emmanuel César

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Dr. Inácio e Baccelli!!

    Bela reflexão!!
    Muito obrigado!!
    Excelente dia e semana para todos nós!!
    Fiquemos com o BOM DEUS!! \O/

    Carlos A. Gomes

    ResponderExcluir
  4. Muito bom este trabalho de estudo da obra Nosso Lar!
    Que Jesus mantenha este trabalho.
    Que Deus abençoe a todos.

    ResponderExcluir
  5. Bom Dia Dr. Inácio e Baccelli. Nosso peso astral é o mesmo da gravidade do sistema solar, ele nos prende a terra e não é fácil volitar para onde queira. Espíritos encarcerados que somos, não sabemos lidar com as facilidades e geralmente temos queda brusca na qualidade espiritual se a liberdade não vem acompanhada do bom uso do livre arbítrio.Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Cadichon Pirilampo16 de abril de 2018 05:03

    Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Nossa ignorância. Finalizando sua mensagem semanal, Inácio Ferreira (IF) psicografou: "(...) Quanta ilusão!... Ou, sem ofensa, quanta ignorância!..." Não somente o nobre amigo espiritual menciona a ignorância de cada um de nós sobre muitos mistérios (como o citado sobre o mesentério ou interstício - BBC Brasil, 28-03-2018), mas também outros Irmãos Espirituais já opinaram nessa direção! Portanto, parabenizamos o nobre autor pela renovação do alerta quanto ao nosso desconhecimento de nós mesmos! Deus e Jesus Cristo abençoem ao nobre irmão e a todos no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:02)!!!

    ResponderExcluir
  7. > A pergunta é a seguinte: há quantos anos o corpo vem sendo dissecado pelos anatomistas,
    > e perquirido pelos fisiologistas, sem que eles, tendo semelhante órgão à vista,
    > pudessem atinar com a sua existência?

    A existencia ja' e' conhecida de a muito, foi a classificacao que mudou.
    Noticia velha, os alunos ja' estao aprendendo na escola para o vestibular.

    O mesentério é uma estrutura que, em 2016, passou a ser considerada um órgão.

    http://mundoeducacao.bol.uol.com.br/biologia/mesenterio.htm

    ResponderExcluir
  8. O que esteve Dr. Inácio Ferreira licenciou-se em Medicina e como tal estudou Anatomia descritiva...estudou o Mesentério não como um órgão mas apenas como uma estrutura de sustentação bem como o que está eu . Só "agora" a Ciência descobriu que o Mesentério tem Funções que lhe atribuem a característica de órgão . Pensa-se que poderá estar implicado na Obesidade , Diabetes M. , D. Crohn entre outras patologias . Se alguém dissesse, até 2016, que o Mesentério era um órgão a Ciência repudiaria tal conceito ...reconhece-o hoje apesar de o Mesentério ter funções de órgão , há Milénios , as quais a dita Ciência analítica mas não muito sintética desconhecia .É esta mesma Ciência que não reconhece o Perispírito , o Duplo Etéreo ...o Espirito e como tal a Reencarnação bem como a Mediunidade apesar dos inúmeros estudos de cientistas publicados ...é esta a mesma Ciência Reducionista que negava o Mesentério como órgão que "um dia" irá reconhecer a Ciência Espirita ...apenas ainda não chegou lá . O Papa Paulo VI atribuíu a Comenda da Ordem de S. Gregório a Juergenson pelo " reconhecimento da autenticidade das vozes" obtidas através da Transcomunicação Instrumental ...caminhando se faz o caminho .Para terminar : reconheçamos que somos ignorantes...ainda. Descobrimos coisas e fenómenos há muito pré existentes mas que ignorávamos e/ou negávamos . João Semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. > É esta mesma Ciência que não reconhece o Perispírito , o Duplo Etéreo

      A Ciência restringe-se ao que pode ser medido. Nao e' a toa que os livros
      de fisica e quimica comecam com sistemas de medida, padroes, precisao e
      propagacao de erros de medida. Lorde Kelvin disse que se podemos medir algo
      entao sabemos alguma coisa sobre este algo. Decorre entao que se nao podemos
      medir entao nosso conhecimento e' no minimo subjetivo, e cai na esfera da crença.

      Pelo que li, ninguem ate' agora jamais fez quaisquer medidas sobre perispírito
      e duplo etéreo. Dizem tratar-se de substancias semi-materiais de alta
      frequencia e baixa densidade. Se fosse assim, entao espiritos nao poderiam
      "baixar" aqui, ja' que sua "densidade" nao permitiria. Obviamente muitos
      espiritos comunicantes usam linguagem imprecisa para descrever o que observam.

      Eu esperaria que um espirito desencarnado que tenha tido conhecimento cientifico
      em uma de suas vidas passadas se lembrasse do que consiste o metodo cientifico.

      Infelizmente estes espiritos, cujos nomes estao em todos os livros de matematica,
      fisica, quimica e biologia, nao descem aqui para explicar melhor assuntos de tanta
      importancia.

      Excluir
    2. Talvez você, amigo anônimo, com o conhecimento que tem - e não estou ironizando, falo com sinceridade -, poderia tentar uma explicação para o fato, sem que ficássemos tão somente esperando pelos desencarnados, que, com certeza, ainda não encontraram médium a altura para que pudessem fazê-lo. Abraços.

      Excluir
    3. Cadichon Pirilampo18 de abril de 2018 07:39

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Anônimo (17-04-2018 09:57). Permita-nos acrescentar um "palpite" de ignorante das coisas espirituais ao trecho que você psicografou "...Infelizmente estes espíritos, cujos nomes estão em todos os livros de matemática, física, química e biologia, não descem aqui para explicar melhor assuntos de tanta importância." Nesta nossa linha de pensar ignorante, sugerimos, salvo melhor juízo, a leitura do livro "The Evolution of the Universe, or Creation according to Science. (em tradução livre: "A Evolução do Universo, ou a Criação de acordo com a Ciência"). Los Angeles: Cosmos Publishing Co, 1924, de Michael Faraday (1791-1867). Esta obra pode ser adquirida pela Amazon ou Ebay ou outra forma. Parece-nos que, embora não tenha frequentado os bancos de uma universidade, as ideias dele no campo da Física permanecem até este momento nos manuais da Ciência, inclusive fundamentam de alguma forma o conteúdo de "Mecanismos da Mediunidade" (FEB), de André Luiz pelos médiuns Francisco Cândido Xavier (1910-2002) e Waldo Vieira (1932-2015). Esclarecemos que, até prova em contrário, muitos irmãos espirituais esclarecem que André Luiz é Carlos Justiniano Ribeiro Chagas (1879-1934) reencarnado, bem como teria sido Antoine Demeure (1794-1865), médico e amigo de Allan Kardec! ambos atuaram ou atuam no campo da Medicina, ainda! Não nos esqueçamos de Luigi Galvani (1737-1798), espírito, que psicografou "Medicina Espiritual: a Medicina do Amor" (Editora do Conhecimento, 1ª edição, jul 2017), pela médium Maria Eduarda Vidal! Em muitas das questões respondidas pelos Amigos Espirituais, cada um de nós, estudiosos das coisas espirituais, poderá encontrar aquelas que foram orientadas por Friedrich Wilhelm Heinrich Alexander von Humboldt (1769-1859)! Por que seus nomes não estão especificamente citados nas respostas daqueles Amigos Espirituais? Bem, certamente, Allan Kardec teve motivos superiores aos nossos para não mencioná os nomes desses irmãos do campo científico! Lá também encontrar-se-á as orientações de François Jean Dominique Arago (1786-1853), físico, astrônomo e político! Perdoe-nos, mas esses são apenas alguns nomes da "...matemática,física, química e biologia..." que imaginamos que se comunicaram através de médiuns preparados, relativamente ou não, com as opiniões deles no Mundo Espiritual chamado Terra ou outras dimensões! Não descartamos a possibilidade de estar equivocados nesses palpites ou pitacos de um ignorante comum! Deus e Jesus Cristo abençoem ao nobre irmão e a todos aqueles que estiverem no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (11:37)!!!

      Excluir
    4. Bom dia!! Na paz!! Tá tudo certo!!. Irmão, Anônimo!. Moço!!, veja bem, eu acompanho o Blog já faz um bom tempo. E , pelo que eu saiba, se não é a primeira, é no máximo, a segunda vez que Baccelli, se manifesta diretamente nos comentários!. Dai, vejo essa atitude como, "magica", até mesmo certamente, tendo em vista a grandiosa cumplicidade entre Baccelli/Inácio, intuiu , como um certo, "evocação" da espiritualidade a uma, "reverencia a seus préstimos" no momento atual. Pra mim,´ficou muito nítido : "... é chegada a hora, trabalhadores de ultima hora...". ESE, tá bem claro, a evocações e a sustentação será dada aos visíveis que se imersarem no caminho difícil, mas, bendito, em divulgação e desmistificação da Doutrina, dos ESPÍRITOS!!. Podes crer, aqui os internautas estaremos todos vibrando por ti!...

      Excluir
  9. Bom dia meus amigos

    Apesar de saber que a conpanha atentamente os comentários, estou feliz em "ve-lo" por aqui Baccelli.
    . O irmão "anônimo" diz que espera um espírito com conhecimento científico se manifestar. Recomendamos obras como EVOLUÇÃO EM DOIS MUNDOS E AÇÃO E REAÇÃO de André Luiz/Chico Xavier para estudo .
    Agora , se estamos esperando que os espíritos benfeitores da humanidade venham facilitar o nosso trabalho de pesquisa e investigação da Verdade , como se diz , é melhor esperar sentado .Quer moleza? Toma chá de lesma . Não vou fingir , tô sendo meio irônico ! Coisa de espírito trevoso ,kkk.O que
    Percebo é um esforço enorme por parte dos BENFEITORES dando "dicas" do "caminho" a ser trilhado pelos pesquisadores da Terra . Talvez , o que falta , por parte dos homens de ciência , seja deixar preconceitos de lado e se aliar ao esforço dos pesquisadores espíritas . Lembrando que o espiritismo , também é uma ciência EXPERIMENTAL e obedece a metodologia científica. Não tenho dúvida que a ciência aliada ao espiritismo adiantariam em alguns anos ou séculos a solução desses problemas.
    Fiquem com Deus

    ResponderExcluir
  10. Dr. Inácio, confesso que não consigo entender o mecanismo da materialização de Ricardo que, sendo criança, se apresenta o adulto Ricardo de Nosso Lar, como se a criança Ricardo tivesse operado uma magia. Este fenómeno domina a minha mente sem conseguir passar daqui. Alguém, por favor, me dá uma ajuda?

    André Luiz cita numa obra, que não consigo lembrar qual, mas algo, em síntese, como isto:"e nada mais posso adiantar, outros estudiosos o farão em tempo oportuno", o que vem muito na linha que o nosso Baccelli sugeriu ao amigo anónimo, pois que surja gente com ideias luminosas refletindo sobre verdades ainda desconhecidas pela grande maioria de nós, que agradecemos muito.

    Agradeço ao nosso amigo Gerson as suas palavras fraternas e de suave vibração.

    Que maravilha é ser-se detentor de uma consciência lúcida como a de Ricardo, rogando ao Senhor que não lhe facilite a vida para não cair de um despenhadeiro abaixo. Jesus se apiede de todos nós, tão necessitados de desapego material.

    Baccelli, seria muito bom que se tornasse um "habitué" na interação conosco.
    Muito grata como sempre. Abraço carinhoso à equipa. Noémia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo19 de abril de 2018 11:42

      Boa tarde, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Noémia José (18-04-2018 10:32). Você psicografou "...confesso que não consigo entender...como se a criança Ricardo tivesse operado uma magia..." Permita-nos auxiliar, se nosso pitaco for adequado ao tema. Acreditamos que a possível solução do problema exposto por você esteja na frase - "Estamos prontos; contudo, aguardamos a ordem da Comunicação. Nosso irmão Ricardo está na fase da infância terrestre e não lhe será difícil desprender-se dos elos físicos, mais fortes, por alguns instantes." Nicolas. André Luiz indaga: - "Mas virá ele até aqui?" Nicolas esclarece: - "Como não? Nem todos os encarnados se agrilhoam ao solo da Terra. Como os pombos-correio que vivem, por vezes, longo tempo de serviço, entre duas regiões, espíritos há que vivem por lá entre dois mundos." ("Nosso Lar", capítulo 48 - Culto familiar). Destaquemos a frase "...espíritos há vivem por lá entre dois mundos...", significando, provavelmente que existem no lado visível da Terra em condições de conviver em dois mundos (= dimensões). Para entender essa ideia, sugerimos ler o artigo "Médium: uma pessoa interexistente", datado de 17-06-2013, de Geraldo Lemos Neto e divulgado no item "Notícia" do site "Vinha de Luz" - www.vinhadeluz.com.br -. Esse cenário descrito por André Luiz pode ser compreendido lendo e estudando as perguntas 95 e 402 de "O Livro dos Espíritos". Fernando Miramez de Olivídeo explica ambas as perguntas na obra "Filosofia Espírita", volumes II e VIII. Medite bem na fala de Nicolas "Estamos prontos; contudo, aguardamos a ordem da Comunicação..." Podemos entender que a ordem do Ministério da Comunicação de Nosso Lar estava preparando a saída em corpo espiritual (perispírito) do Espírito Ricardo adequadamente junto com o Espírito Protetor de Ricardo. Logo: a situação dessa emancipação estava sob controle dos Amigos Espirituais! Quanto à outra sua observação sobre a frase "...e nada mais posso adiantar, outros estudiosos o farão em tempo oportuno,..." estamos pesquisando em qual livro ela foi psicografada por Chico Xavier ou por outro médium, pois nossa memória ainda não alcançou onde ela está mencionada. Esperamos que o nosso auxílio possa contribuir para o entendimento do assunto enfocado por você! Perdoe-nos se não fomos claros! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (15:32)!!!

      Excluir
    2. Cadichon Pirilampo20 de abril de 2018 05:21

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Noémia José (18-04-2018 10:32) Hoje, logo depois de nosso café matinal espiritual e pequena rotina em nossa residência, pegamos o livro "Egos em Paz" (LEEPP, 1ª edição, out 2017), de Inácio Ferreira (IF)! Pasme! Acreditamos que os capítulos 21 - Reencarnação - considerações, 22- Influência do organismo, 23 - Reencarnação e aborto - I, 24 - Reencarnação e aborto - II e 25 - Ação do inconsciente, têm enfoques interessantes que podem ampliar a sua compreensão sobre as suas possíveis dúvidas emitidas na sua participação nesta semana! Por que escrevemos assim? Digamos, não é a realidade específica, que ocorreu uma possível comunicação à distância com IF e amigos como acontece com nossos rádios e televisões. As estações transmissoras estão à distância, mas os receptores (no caso, os livros e seus autores) estão perto de nós! Melhor dizendo, uma "inspiração" ou "intuição"! Também não eliminamos a possibilidade de estar equivocados na nossa "interpretação" desses "...arrazoados do Aquém..." (narrativas, descrições, etc...) de IF! Renovamos nossa solicitação de que Deus e Jesus Cristo abençoem a você e a todos no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:19)!!!

      Excluir
  11. Caro Anónimo - Aqui há Liberdade de expressão e pensamento ...exerceu-a . Aínda não leu com toda a certeza o livro A Grande Sintese de Pietro Ubaldi : lá deparar-se-á com muita Matemática , Física , Química ...bem como Espiritualidade . Consulte os Livros de Hernani Andrade , Carlos Imbass. , Herculano Pires ...vai encontrar lá muita Ciência. João Semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradecimento especial `a João,

      Aconteceu comigo o que diz a apresentação do livro: "Atraído pelo título, percorremos-lhe o índice e, imediatamente, sentimo-nos assaltados do desejo de lê-la."

      A obra foi colocada no topo das prioridades.


      Debalde vínhamos peregrinando através dos livros em busca de uma concepção do mundo que nos satisfizesse, pela universalidade de seus fundamentos, a natural ansiedade de síntese e unificação do conhecimento.
      Movido por esse desejo, perlustramos os grandes monumentos da sabedoria de todos os tempos, desde as velhas doutrinas consubstanciadas na metafísica chinesa do Y-King até as modernas aquisições do relativismo einsteiniano. Examinamos o hinduísmo, nas expressões luminosas de seus mais eminentes mestres; estudamos o idealismo de Platão, o peripatetismo de Aristóteles, o racionalismo de Descartes, o criticismo de Kant, o panteísmo de Spinosa, o monadismo de Leibniz, o ocasionalismo de Malebranche, o epifenomenismo de
      Hume, o voluntarismo de Schopenhauer, o solipsismo de Bekerley, o transformismo de Darwin, o evolucionismo de Spencer, o positivismo de Comte, o pragmatismo de James, o monismo de Haeckel, o intuicionismo de Bergson, o panpsiquismo de Farias Brito, para, ao fim, sentirmo-nos tão vazios como dantes. (...) Acabávamos de ler Carrel, quando surgiu nas livrarias a versão brasileira de A GRANDE SÍNTESE. Atraído pelo título, percorremos-lhe o índice e, imediatamente, sentimo-nos assaltados do desejo de lê-la. (...) Sem embargo de seu caráter estritamente lógico e rigorosamente científico, A GRANDE SÍNTESE não é uma
      obra resultante de lucubrações intelectuais, nem de dados experimentais. É uma revelação surpreendente, de origem supranormal, por isso que foi dada ao mundo exclusivamente pelas vias da intuição. Serviu-lhe de instrumento, no processo de sua elaboração, o iluminado místico da Úmbria, Prof. Pietro Ubaldi.

      Excluir
  12. Agradeco a todos as otimas referencias datas.
    Uma frustacao que tenho e' que a lista de livros em varias areas
    ja' selecionados para leitura e' tao grande que tenho certeza nao
    serei capaz de le-los com atencao e reflexao no curto tempo de apenas
    uma vida. Vou torcer para que na proxima vida eu seja dotado de um
    corpo capacitado para leitura mais rapida e memoria mais persistente.

    Mas o metodo cientifico e' assim mesmo. Primeiro faz-se medidas e
    tabula-se os dados, entao formula-se uma hipotese e a partir dai'
    faz-se previsoes do tipo se esta formula e' correta, entao nestas
    condicoes teremos este resultado. Se comprovado entao a formula
    e' aceita ate' que seja substituida por outra melhor. A ciencia
    tambem basea-se na capacidade de repetir um mesmo experimento
    milhares de vezes e obter sempre o mesmo resultado. Basta um
    unico exemplo que contrarie a formula e entao a teoria toda cai,
    e passa a ser apenas um modelo restrito `a um certo intervalo
    de aplicabilidade.

    Como conciliar entao a ciencia com os assuntos do espirito
    que nao podem ser medidos? Nao e' que os cientistas nao acreditem.
    Muito pelo contrario, a maioria dos cientistas chegam quase que
    invariavelmente as portas do divino como explicacao do inexplicavel.
    E' apenas que eles nao conseguem formular hipoteses com o conhecimento
    objetivo disponivel. Agora, conhecimento subjetivo existe de varios tipos.

    Muito Obrigado a todos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo19 de abril de 2018 06:57

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Anônimo (18-04-2018 10:46) Suas observações são interessantes e devem ser respeitadas! Todavia, acreditamos que a leitura atenta do tema "Provas da existência da alma", de Annie Wood Besant (1847-1933), que é o conteúdo de uma palestra dela ministrada em 1903 em Chicago, EUA, é muito elucidativa para cada um de nós, não é mesmo? Esse conteúdo encontra-se na obra "Um Estudo sobre a Consciência: uma contribuição à Psicologia" (em inglês "A Study in Consciousness: a contribution to the Science of Psychology". Brasília: Editora Teosófica, 1ª edição, 2014 - Apêndice). Aliás, dias ou meses atrás, você mesmo mencionou esse livro nos seus arrazoados de Aquém, não é mesmo? Nessa autora existe um traço interessante - ela não é espírita, mas, mesmo sendo teósofa muito brilhante, ela é como se fosse uma espírita (ou espiritista), cristã e, até mesmo, uma cientista do Espírito! Leiamos esse "...conhecimento subjetivo..." (Anônimo) dessa autora de mente aberta e livre de prejulgamentos (preconceitos) de qualquer tipo! Deus e Jesus Cristo abençoem o nobre irmão e a todos no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (10:54)!!!

      Excluir
    2. Caro Cadichon Pirilampo.

      Ainda neste item, foi me dado como referencia a "Grande Sintese".
      Esta cita o que os cientistas ja' estao sentindo, a ciencia ja' esta'
      operando nos limites da materia e da razao. Diz o livro que para
      avancar e' preciso agora usar da intuicao. Nao vou me alongar mas
      o que um individuo aprende por intuicao e' de carater particular.
      Se expressar o que aprendeu por intuicao, outros podem vibrar em
      sintonia *sentindo* que e' verdade. A minha referencia a conhecimento
      subjetivo foi neste sentido, conhecimento aprendido com sentimento,
      e ha' de convir que existem mesmo de todo tipo. Mas a ciencia nao e'
      democratica nao.

      Devo dizer-lhe que presto muita atencao `a elegancia com que expoe
      seus argumentos. Vejo que algumas colocacoes que fiz, totalmente
      substanciadas na base da doutrina espirita, nao foram publicadas.
      Mas nao quero contestar nem tumultuar.

      Paz Profunda.

      Excluir
  13. Boa noite meus amigos

    Enquanto a paciência dos irmãos não se esgota vou me expressando por aqui.Um jeito que encontrei de expor o que tenho assimilado dos estudos das obras do Dr Inácio e conto com a orientação de vocês.
    Nessa mensagem o Dr Inácio nos conduz a pensar em como tendo olhos não vemos algumas coisas.
    O que apreendi é que ,de fato , não vemos com os olhos . É a Mente que está apta ou não a "enxergar" determinadas coisas . Me recordo de ter lido uma das obras de André Luiz onde Ele recomenda que exercitemos as capacidades IMAGINATIVAS. Só conseguimos imaginar o que conhecemos , para o que não conhecemos ainda carecemos de "construir" Imagens . Perispírito é ainda novidade para a maioria das pessoas e mesmo para nós espíritas , ainda temos imagens imprecisas e que aperfeiçoamos na medida que compreendemos melhor . Vejam o caso da reencarnação! Estamos revendo todo o conceito . Quando o Dr Inácio/Baccelli começaram a falar em reencarnação no mundo espiritual foi uma revolução e tivemos que desconstruir as imagens antigas e reconstruir outras melhoradas e quem sabe mais próximas da realidade . Gabriel Delanne no livro "A Alma É Imortal" nos diz : " A alma que se haja tornado bastante sábia para os manipular (os fluidos)realiza tudo o que lhe possa aflorar à IMAGINAÇÃO .
    Imaginar é criar , ou melhor Co-criar e é o que nos assemelha ao Criador. Precisamos ter a mente sempre aberta para novas ideias e NOVAS IMAGENS .Acredito que deve ser por esse motivo que o Dr Inácio crítica à Ortodoxia espírita .

    Fiquem com Deus

    ResponderExcluir
  14. Bom dia a todos!!!

    Tá muito bom esse blog! A abertura de pensamentos, a colocação da contrariedade, a análise por cada um dos participantes pode fazer o progresso da humanidade. Não é que pode, faz.

    Embora um tanto lenta no passado, ao longo do tempo a ciência vem se aprimorando e acelerando. Então essas dúvidas são questão de tempo. Aliás, sempre digo que o TEMPO é a "commodity" mais valiosa desta Terra e deve ter uns caras aí correndo atrás de dominá-lo. Cuidado!!!

    Há algumas centenas de anos o Sol girava em torno da Terra. Agora não mais. Eis que os cientistas mudaram radicalmente de opinião após observações que não tinham sido feitas anteriormente provarem o contrário. E olha que proporcionalmente novas descobertas bem podem trazer variações de absolutas certezas muito mais impactantes do que essa em menor tempo, senão pra que continuar com a prática da ciência? Será que ela só existe pra confirmar o conhecimento existente? Usando uma frase do momento, isso seria apequenar todos os cientistas do planeta.

    Quer ver uma hipótese mais maluca do que o absurdo de a Terra girar em torno do Sol?

    Que tal essa: há 1,5 milhões de anos atrás (pela nossa contagem terráquea de tempo usada na face da Terra), quando se resolveu desenvolver-se um planeta Terra em que corpos de animais, cuidadosamente e cientificamente elaborados, pudessem alojar mentes humanas para seu desenvolvimento e progresso, as futuristas naves interplanetárias já cruzassem os espaços cósmicos para tudo que é lado?

    E, se formos um cisco no espaço e não o Centro do Universo? E se o universo não girar em função de nossa humanidade do planeta Terra?

    Será que isso é tão mais impossível do que a Terra girar em torno do Sol? Sei lá. Pra isso existe a Ciência e os Cientistas pra responder. Façam sua parte.

    Abraços cósmicos da face da Terra para todos!

    ResponderExcluir
  15. Com relacao ao perispirito, veja que ha' discordancia inclusive entre os proprios espiritos.

    Segundo alguns o perispirito e' uma matriz tendo orgaos de percepcao especializados.
    Tanto e' que alguns dizem que se os olhos forem arrancados, o espirito fica cego.

    Ja' outros dizem que o perispirito e' um orgao integrado de percepcao em toda a sua superficie.
    Se ve algo na sua frente e' por que sua consciencia esta' focada no objeto a sua frente.
    Poderia, sem se mover, focar a consciencia num objeto na sua retarguada e ve-lo da mesma maneira.

    Existe tambem um "sexto" sentido, nao conhecido para nos.
    Ao olharmos uma caixa, so' podemos ver no maximo 3 de suas faces.
    Os espiritos podem ver todas as seis faces ao mesmo tempo.
    Podem tambem ler um livro fechado.

    Entao o que e' o que?
    Estamos falando de planos espirituais com propriedades diferentes?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pergunta "o que é o que" .Em vez de lhe dar o peixe vou dar-lhe a cana para o pescar : Leia o livro Perispírito da autoria de Zalmino Zimmermann editado pelo Centro Espírita Allan Kardec-Campinas . A minha edição , é a 2ª , tem 555 páginas ...a actual penso ser a vigésima . Boa leitura e consequente aquisição de conhecimento . João Semana

      Excluir
    2. Muito obrigado Joao,

      Estou escutando um monte de leia isto e leia aquilo,
      sinto-me um ignorante, e sou mesmo, mas prefiriria
      que aqueles que ja' tendo lido respondessem baseado
      no que entenderam.

      Na impossibilidade de ler tudo, baseado entao na qualidade
      da resposta e' que uma referencia vai ou nao para a lista
      de prioridades.

      Alem disso responder diretamente e' um bom exercicio
      de sintese daquilo que se aprendeu.

      Muito Obrigado.

      Excluir
    3. Ola' Joao, para provar que suas recomendacoes nao passam
      desapercebidas, com relacao a referencia dada,
      a obra do Prof. Zimmermann, Nao acrescenta muito nao.
      E' otima, muito interessante, mas redundante,
      o que pensar, por exemplo, sobre isto:

      "
      Para os Espíritos, o pensamento e a vontade são o que é a mão para o homem.
      Pelo pensamento, eles imprimem àqueles fluidos tal ou qual direção,
      os aglomeram, combinam ou dispersam, organizam com eles conjuntos
      que apresentam uma aparência, uma forma, uma coloração determinadas;
      mudam-lhes as propriedades, como um químico muda a dos gases ou de outros corpos,
      combinando-os segundo certas leis.

      Algumas vezes, essas transformações resultam de uma intenção;
      [doutras, são produto de um pensamento inconsciente]. <= Grifo Meu
      Basta que o Espírito pense uma coisa, para que esta se produza,
      como basta que modele uma ária, para que esta repercuta na atmosfera.

      Dessa forma, [podendo plasmar múltiplas aparências] <= outro grifo meu,
      “o Espírito se apresenta debaixo daquela que mais reconhecível o possa tornar

      É assim que, embora como Espírito nenhuma enfermidade corpórea lhe reste,
      ele se mostrará estropiado, coxo, ferido, com cicatrizes,
      se isso for necessário a lhe comprovar a identidade.
      O mesmo se observa com relação ao traje.

      Excluir
    4. Prezado Anônimo, diante de sua solicitação, vamos diretamente ao ponto:

      "Segundo alguns o perispirito e' uma matriz tendo orgaos de percepcao especializados.
      Tanto e' que alguns dizem que se os olhos forem arrancados, o espirito fica cego."

      Tal descrição corresponde ao chamado corpo astral, estrutura mais densa do perispírito e, por sua vez, constituída de inúmeras camadas, cada uma correspondente a um campo dimensional específico.

      "Ja' outros dizem que o perispirito e' um orgao integrado de percepcao em toda a sua superficie.
      Se ve algo na sua frente e' por que sua consciencia esta' focada no objeto a sua frente.
      Poderia, sem se mover, focar a consciencia num objeto na sua retarguada e ve-lo da mesma maneira."

      Essa descrição corresponde ao corpo mental, estrutura menos densa do perispírito e sem uma forma definida, a qual preside a formação do corpo astral. A grande maioria dos desencarnados vive em corpo astral no plano astral, somente atuando com as percepções do corpo mental de forma esporádica, geralmente em desdobramento, pois desencarnado também entra em estado alterado de consciência.

      Portanto, não há contradição entre as explicações acerca do perispírito, a grande questão é que o mesmo é formado por várias estruturas de densidade e fisiologia distintas. Aliás, no tocante aos veículos superiores do perispírito (corpos causal, búdico e nirvânico), nada foi dito nas comunicações mediúnicas, somente detalhes mínimos psicografados pelo médium Robson Pinheiro no livro "Além da matéria" do autor espiritual Joseph Gleber, também médico.

      Um abraço, muita Luz!

      Excluir
  16. Boa noite meus amigos

    Obrigado pelo carinho amiga Noêmia

    Ao amigo "Anônimo". Lembrando que passamos a nossa atual compreensão do assunto . E que , naturalmente, é um entendimento pessoal , e peço, encarecidamente, auxílio aos irmãos que se manifestam por aqui e aos irmãos Baccelli e Inácio Ferreira .

    Com o tema REENCARNAÇÃO NO MUNDO ESPIRITUAL abre-se um mundo novo de reflexões . Encontrei respostas que de há muito procurava. Claro que muitas outras ainda carecem solução por incapacidade minha . NORMAL! Entender melhor a constituição e função do Perispirito é fundamental , e não podemos confundir PERISPIRITO com ESPIRITO . A verdadeira matriz é o ESPÍRITO. Todas as faculdades e sentidos de percepção estão radicadas no Espírito. Corpo é corpo . É feito de MATÉRIA-entenda-se fluido cósmico universal modificado . (Melhor não tratar por agora sobre a constituição da matéria-as informações que temos no livro Evolução em Dois Mundos são impressionantes) O que muda , entre corpo físico é perispírito é a densidade. Mais matéria e menos matéria . Perispírito é corpo físico e corpo físico é perispírito ! O Dr Inácio é quem Diz . Lavei minhas mãos kkk. Depende do ponto de referência. Tudo é relativo!
    Devemos imaginar o CORPO do espirito semelhante a uma cebola . Várias camadas ou vários corpos que se interpenetram e estão intimamente interligados formando um TODO. Dr Inácio diz para desenvolver uma visão QUÂNTICA das coisa . Pensar em universo no Plural -MULTIVERSO . Cada camada vibra ou manifesta-se em uma dimensão ou universo específico.
    O camada ou corpo mais sutil serve de molde ao mais denso , sendo que o primeiro obedeceu a um molde anterior mais sutil ainda , e assim sucessivamente até chegar na Matriz -ESPIRITO . O que costumamos chamar de corpo físico é a camada externa e o que chamamos perispírito seria a segunda camada de fora para dentro . Essa segunda camada ou perispírito , nos espíritos inferiores , se assemelha em quase tudo ao corpo físico. É ainda organismo com TUDO o que tem o corpo físico .
    Na medida que evolui , os espíritos passam a habitar esferas mais elevadas , sutis , e paulatinamente, vão perdendo certos apêndices que perderam o uso em função da vida mais mental e menos material . Obrigado

    Fiquem com Deus


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo20 de abril de 2018 05:37

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Gerson Cecatto (19-04-2018 21:31). Parabenizamos as suas considerações emitidas sobre a obra "Reencarnação no Mundo Espiritual" (LEEPP), de Inácio Ferreira (IF)! Desde o primeiro livro ("Sob as Cinzas do Tempo",Didier) até ao penúltimo ["Egos em Paz", LEEPP; o último é "Alma do Mundo" (LEEPP, 2018), o qual estamos aguardando para chegar às mãos para leitura, meditação e compreensão)]. Essas obras são verdadeiros caminhos ilustrativos para despertar e sedimentar em nós nossa capacidade de ler e estudar bem as grandes noções sobre Deus, Espírito e Matéria (LE-27), recheadas de referências cruzadas para buscarmos o estudo comparativo! Continue nesse caminho de aprendizagem! Deus e Jesus Cristo abençoem a você e a todos os que se encontram no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:35)!!!

      Excluir
  17. O caríssimo Cadichon ajudou bastante, induzindo-me a voltar ao texto do dr. Inácio e ler com mais atenção, muito obrigada. Diz ele: "Ricardo, então, parcialmente liberto, manifesta-se com o concurso de médiuns de efeitos físicos, num "globo cristalino", espécie de TV plasma." Creio entender, agora, que Ricardo-criança usou o corpo adulto do médium, com a ajuda do ectoplasma dos outros médiuns de efeitos físicos, que não sabemos quantos foram utilizados para esta transformação, mas que parece ter sido uma operação complexa. Só não entendo porquê Ricardo foi parcialmente liberto e não totalmente. Será que só se exteriorizou o conjunto da cabeça?
    Cadichon, muito grata pela sua constante amabilidade para com tantos de nós. Jesus o envolva em bênçãos de muita paz. Abraço fraterno. Noémia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo20 de abril de 2018 13:05

      Boa tarde, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Noémia José (20-04-2018 09:49). Agradecemos a gentileza de suas palavras e observações! Fazemos o possível de acordo com as nossas limitações e entendimento desses assuntos transcendentes! Você questionou "...Só não entendo porquê Ricardo foi parcialmente liberto e não totalmente. Será que só se exteriorizou o conjunto da cabeça?..." Imaginamos que somente a cabeça perispiritual de Ricardo se exteriorizou em atendimento às condições energéticas específicas para o objetivo de identificação necessária ao evento naquele "globo cristalino" em analogia quando os paleontólogos descobrem um pedaço de osso de um fóssil e concluem algo sobre este pedaço de osso (um dente, por exemplo) a respeito de um ser complexo que preexistiu num determinado tempo da escala humana na Terra. À título de comparação para fundamentar esta nossa observação, sugerimos ler o artigo "Cientistas simulam rosto do primeiro homem europeu moderno" (04-05-2009 - Notícias - Terra). Para que você possa entender um pouco mais além, indicamos a obra "As Forças Naturais desconhecidas" (Editora do Conhecimento, 1ª edição, 2011), de Nicolas Camille Flammarion (1842-1925), na qual você poderá encontrar fenômenos estudados por aquele autor em reuniões com médiuns A, B e C! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (17:03)!!!

      Excluir
    2. Cadichon Pirilampo21 de abril de 2018 06:00

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Noémia José (20-04-2018 09:49). Permita-nos somar algo as suas observações e as de nosso amigo "Cadichon Pirilampo" uma orientação interessante de Inácio Ferreira (IF). Onde se encontra esta última? Vajamo-la em "Egos em Paz" (LEEPP, 1ª edição, out 2017), capítulo 28 - Duplo Ego - Hans e João: "...O 'ego' desdobrado de Hans (esclarecemos que, evidentemente, não se trata de dois espíritos, mas sim de duas personalidades, entre tantas outras) afastou-se da médium e, enquanto Domingas a auxiliava a se refazer, Odilon e eu amparamos o irmão que, curiosamente, naquele momento, cambaleava..." (página 352). Este esclarecimento de IF foi dado durante a manifestação de João Antônio da Silva como o Espírito Hans, uma personalidade dele que viveu na época da Primeira Grande Guerra (1914-1918). Este caso de João Antônio da Silva = Hans é lido, meditado e estudado nos capítulos 26 - Um caso de epilepsia, 27 - Psicofonia do 'Ego' tirano, 28 (o mencionado) e 29 - 'Ego' prevalecente. Perguntar-se-á: - "Como entender essa explicação de IF no caso do surgimento de Ricardo, parcialmente emancipado, estando o seu corpo físico e perispírito no estado de infância em repouso num lar numa cidade do Brasil, portanto, chamado de A?" Evidentemente, em princípio (teoria, tese), não se trata do corpo espiritual na forma infantil de Ricardo, mas o perispírito na sua forma humana anterior (personalidade) de Ricardo a fim de proporcionar a aparição no "globo cristalino" e servir de identificação aos seus parentes residentes em "Nosso Lar". A exteriorização do conjunto da cabeça assemelhou-se a um retrato parcial do busto para cima, como se retrata a imagem de Allan Kardec num retrato ou pintura feita na época de sua vivência como Hippolyte Léon Denizard Rivail (1804-1869) ou, até mesmo, na existência como Francisco Cândido Xavier (1910-2002), não é mesmo?! Parece-nos que essa explicação de IF é muito plausível no caso enfocado por você! Sugerimos, novamente, a leitura do capítulo 3 - Entendimento - de "Libertação" (FEB), de André Luiz e da obra "As Forças Naturais desconhecidas" (Editora do Conhecimento), de Nicolas Camille Flammarion. Conclusão lógica: não há "magia" alguma na descrição (narrativa) a respeito desses fenômenos perfeitamente naturais, até prova em contrário! Estes arrazoados de Aquém surgiu, nesta madrugada, durante nossa leitura feita daqueles capítulos mencionados e passagem comentada do IF! Não descartamos a possibilidade de estar enganados! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:55)!!!

      Excluir
    3. Cadichon Pirilampo22 de abril de 2018 05:06

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Noémia José (20-04-2018 09:49). Permita-nos, mais uma vez, retornar ao seu escrito "...Só não entendo porquê Ricardo foi parcialmente liberto e não totalmente. Será que só se exteriorizou o conjunto da cabeça?..." É natural a sua curiosidade sobre essa particularidade do fenômeno de materialização às avessas relacionado à Ricardo, cujo corpo físico estava na forma infantil na Terra. Hoje, pela manhã, após o nosso café matinal espiritual, resolvemos folhear o "Obreiros da Vida Eterna" (FEB), de André Luiz (AL)! Estávamos em busca de um determinado trecho que Inácio Ferreira (IF) mencionou em "Egos em Paz". Nessa releitura, nossos olhos pousaram no capítulo III - O sublime visitante - daquele livro de AL. Nele, lê-se o trecho "...Nesse instante, (...), alguém apareceu no gabinete, entre a vegetação e o céu. (...) Via-se-lhe somente o busto cheio, parecendo-me que os seus inferiores se ocultavam naturalmente na folhagem abundante. Seus braços e mãos, todavia, revelavam-se com todas as minudências anatômicas, porque com a destra nos abençoava num gesto amplo, mantendo na outra mão pequeno rolo de pergaminhos brilhantes, deixando-nos perceber dourado cordão dourado atado à cinta..." Comparemos essa descrição narrada por AL quando vários telejornais apresentam seus âncoras (apresentadores principais) sentados atrás das mesas nos ambientes televisivos! Nesses locais, algumas vezes, esses âncoras levantam-se para conversar com outros que se apresentam em uma tela de plasma instalada no mesmo local! Tudo natural, não é mesmo? Esperamos que essas nossas observações ampliem a sua compreensão sobre o caso de Ricardo! Perdoe-nos se não fomos felizes em nossas "explicações"! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:02)!!!

      Excluir
  18. Queridos Dr. Baccelli/Dr. Ferreira, equipe e todos

    Que Jesus nos ilumine, nos ampare e nos abençõe !

    Aprendendo e gostando muito deste Blog !!!
    Gratidão por vocês e pela oportunidade do aprendizado.

    Muitos livros ainda para ler, agora a minha próxima leitura "Reencarnação no Mundo Espiritual" de Carlos Antonio Baccelli pelo espírito Inácio Ferreira, 4a edição, Uberaba (MG): Livraria Espírita Edições "Pedro e Paulo" (LEPP), maio 2012, 406 p.

    Paz !

    Um abraço fraterno com imenso carinho
    Beijos de Luz
    Ribeirão Preto (SP)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo23 de abril de 2018 13:04

      Boa tarde, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Cristiane Sonia Arroyo (20-04-2018 10:40) Parabenizamos a sua iniciativa de ler, meditar e estudar a obra "Reencarnação no Mundo Espiritual" do nosso estimado Amigo Espiritual, Inácio Ferreira! Hoje, nós também reiniciamos uma releitura (perdoe-nos a repetição da ideia) desse livro! Gostamos muitíssimo de realizar este tipo de reaprendizagem, pois, desta forma, consolidamos as noções sinalizadas pelos Irmãos Espirituais em nossa memória! Permita-nos indicar um detalhe: aprendemos com o Allan Kardec e outros a praticar referência cruzada como ele próprio o fez no final de muitas perguntas e ensinos contidos nas obras básicas! Continue nesse ritmo de leitura e releitura! Deus e Jesus Cristo abençoem a você e a todos no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (17:01)!!!

      Excluir
    2. Queridos Dr. Baccelli / Dr. Inácio , equipe e todos

      Uma semana abençoada !

      Cadichon Pirilampo, sinto-me honrada, ganhei o pote de ouro: agradeço o método.
      Irei lê-lo junto com o livro Kardec aberto para procurar essas Referências!
      Muito agradecida por vocês todos !

      Historinha de hoje:
      Acompanhando meu pai em um Exame Clínico hoje pela manhã, 23 de janeiro de 2018, mas que já sabia o resultado, não sou médica, por intuição! Será intuição? Ou será conhecer os fatos e a convivência de 48 anos juntos nesta encarnação? Ou será vivência da vida?

      E quando estava na sala de espera pensei... E agora, um nó na garganta e lágrimas...
      O que fazer com tanto estudo ?
      Tomei minha Fé e a minha Paz ! E fui de forma mental interferir para auxiliar o médico...
      Estava auxiliada com meus guias espirituais, porque sei que foram eles que me falaram o resultado do exame e me acompanharam...
      Tudo ocorreu perfeitamente bem !
      Pensei sobre a dor, que ela realiza mudanças instantâneas em nós: necessárias. A necessidade de voltar à terra para modificar um comportamento (vício), e voltamos várias vezes com o intuito da vitória sem consegui-la.

      Moral da história: A Fé Raciocinada parece simples, mas não é não: despir de preconceitos tanto da parte da Fé quanto da parte da Ciência.

      Paz !
      Bênçãos Divinas !

      Um abraço
      Beijos de Luz
      Cristiane Sonia Arroyo
      Ribeirão Preto (SP)

      Excluir
  19. Cadichon Pirilampo20 de abril de 2018 14:24

    Boa tarde, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! "Terceiro olho", glândula pineal. Permitam-nos desviar do assunto semanal em estudo e meditação! Esse atalho é para divulgar o artigo "Por que os lagartos têm um 'terceiro olho'" (20-04-2018 15h24-15h43), que os sites "Terra" (Notícias - Ciência - Animais) e BBC Brasil (Ciência - Destaques e Análises - Redação BBC Mundo) noticiaram sobre o as conclusões de Krister T. Smith e equipe no estudo "The only known jawed vertebrate with four eyes and the Bauplan of the pineal complex" (em tradução livre: "O único vertebrado mandibular conhecido com quatro olhos e o Bauplan do complexo pineal", que foi publicado na revista científica "Currente Biology" nº 7, volume 28, de 02-04-2018, páginas 1101-1107. Nesse estudo, os autores escreveram que "...nós usamos o termo 'complexo pineal' para referir à pineal (i.e., epiphysis cerebri) e orgãos parapineais..." (em inglês: "...we use the therm 'pineal complex' to refer to the pineal (i.e., epiphysis cerebri)..." Pesquisando pelo Wikipedia, lê-se que "A glândula pineal, também conhecida como conarium ou epiphysis cerebri, é uma pequena glândula endócrina no cérebro dos vertebrados...". Perguntar-se-á: - "O que essa notícia tem ligação com os ensinos espíritas?" Antes de responder especificamente a este questionamento, indicamos a obra "Um Estudo sobre a Consciência: uma contribuição à Psicologia" (Editora Teosófica, 1ª edição, 2014), de Annie Wood Besant, que sinaliza aspectos interessantes sobre esse 'terceiro olho' na Parte I - CONSCIÊNCIA, capítulo XI - A Mônada em ação, itens 2 - O homem em evolução e 3 - O corpo pituitário e a glândula pineal. Em segundo lugar, agora respondendo especificamente àquela pergunta, existe um artigo interessantíssimo denominado "André Luiz e a glândula pineal: antecipação de informações científicas", de Jorge Cecílio Daher Jr e publicado no site "Espiritualidade e Sociedade" (www.espiritualidades.com.br/Artigos/D_autores/DAHER_Jorge_tit_Andre_Luiz_e_a_glandula_pineal.html). Para conhecer um pouco sobre este médico Jorge Cecílio, sinalizamos o artigo "Estudo da glândula pineal na obra mediúnica de André Luiz: entrevista com Jorge Cecílio Daher Jr." (21-11-2014 - https://temporecord.wordpress.com - Mensagens Espíritas). No livro "Transe Mediúnico", no capítulo 33 - A glândula da mediunidade, Odilon Fernandes disserta sobre o este tema com muita propriedade! Bem, paramos por aqui, porque nossa cabeça está explodindo! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (18:13)!!!

    ResponderExcluir
  20. Olá meus amigos

    Que maravilha!

    Amiga Noêmia me fez olhos a questão sob outro ângulo.

    Peço mais uma vez ajuda aos amigos!

    Peço , por favor , que acompanhem meu raciocínio . Percebo, pelos comentários, que os irmãos tem mais amplos conhecimentos que Eu .
    Quando o Dr Inácio diz que Mundo espiritual é Planeta, acredito que consigo entender .
    Então Temos A Terra como um complexo formado de várias terras, correto?!um Planeta formado de vários planetas . Como um prédio de vários andares . Se não me engano esse exemplo foi utilizado pelo Dr Inácio em um de seus livros.
    Em O Livro dos Espíritos na questão 94 temos:
    "De onde o espírito toma o seu envoltório semi-material?
    R:do fluido universal de cada globo ....;passando de um mundo para outro , o Espírito troca de envoltório, como troca de roupa ."
    Então , se os habitantes do NOSSO LAR estão em outro Planeta (Planeta Espiritual ) quando o Sr Ricardo deixa a Terra rumo ao NOSSO LAR , Ele também deixa "aqui" o perispírito! Deduzo que fez essa viagem em corpo Mental. Por isso a materialização com a ajuda dos Mediuns. Anteriormente descrevemos um "duplo" desprendimento. Faço minhas as palavras do amigo Cadichon ; não descarto a possibilidade de estar equivocado. Aliás , no meu caso , a possibilidade é bem maior!

    Também tem a questão de o Sr Ricardo Criança se materializar adulto e consciente. Penso que se trata de espírito de uma evolução considerável.
    Sabemos que os espíritos comuns entram em perturbação e sonolência com o restringimento, e culmina em sono letárgico ao nascimento. Aí o espírito vai "acordando" lentamente com o crescimento do corpo . Se o Sr Ricardo fosse um espírito comum não estaria tão lúcido e consciente aos 7 de idade mesmo em desprendimento.
    Com essa exposição, deixo os amigos à vontade para corrigir possíveis desvios de interpretação.

    Obrigado pelo carinho

    Fiquem com Deus



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo23 de abril de 2018 12:53

      Boa tarde, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Gerson Cecatto (20-04-2018 20:45). Parabenizamos o nobre irmão pelas observações a respeito do caso Ricardo mencionado por Noémia José! Havíamos esquecido de citar o corpo mental em nossas sinalizações ao questionamento da nobre irmã! Nobre irmão, tínhamos lido a sua digressão, mas passamos batidos! Lamentamos nosso lapso! Fique sempre à vontade para corrigir e ampliar qualquer de nossos arrazoados de Aquém! Deus e Jesus Cristo abençoem a você e a todos os que que se encontrem no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (16:50)!!!

      Excluir
  21. Irmão Anônimo

    Gostaria muito de ajudá-lo, mas às vezes, nossa intenção não se cumpre.

    Quando realizamos uma pesquisa científica, bem resumido, para o entendimento:

    1) Ideias, indagações, curiosidade, nossas motivações, nossas justificativas...
    2) Definimos o nosso objeto de estudo, por exemplo: o perispírito!
    3) Leitura para encontrarmos o conhecimento existente sobre o objeto de estudo. Citar as Referências encontradas (pesquisa bibliográfica ou Revisão Bibliográfica).
    4) Escolha da Metodologia, e no caso, há pesquisas quantitativas e também pesquisas qualitativas e as duas juntas.
    5) Análise dos dados.
    6) Resultados e Conclusões.

    Kardec fez a codificação com o uso da Ciência, e sua pesquisa foi de predominância de cunho qualitativo.

    Então, todo o pesquisador científico usa de criatividade, ideias para responder às indagações dele: a história da Ciência é assim.
    A metodologia de pesquisa é utilizada para garantir a Ciência, para que os pares quer dizer qualquer outro pesquisador fizer o que você fez nas mesmas condições, chegará ao mesmo Resultado.

    Se o pensamento é o início de toda pesquisa podemos dizer que todas pesquisas são influenciadas por espíritos !!!

    Dica em seus estudos para o levantamento de suas hipóteses: leia Todos os livros de Baccelli por Ferreira e por toda equipe, tenho certeza que encontrará muitas respostas e senão encontrar, encontrará dúvidas que são a base de trabalho de todo pesquisador !

    Paz!
    Fé Raciocinada e Filosofia: salvem Kardec e Chico Xavier !

    Um abraço para todos
    Beijos de Luz
    Cristiane Sonia Arroyo
    Ribeirão Preto (SP)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito Obrigado Cristiane,

      Veja so', existem coisas que sei (alguma ciencia)
      e outras coisas que *penso que sei* (alguma coisa de espiritismo, entre outras).
      Ajudar-me seria construir uma ponte entre os dois reinos.
      Esta ponte existe, mas so' dentro de mim.

      Michael Shermer diz que se alguem quer debater com
      ele dizendo de cara que o que diz esta' baseado na fe', entao o debate nem comeca, fe' nao se discute.
      Agora se o candidato ao debate diz que pode provar alguma coisa, entao que se prepare, porque vem chumbo grosso mesmo, a pessoa precisa estar bem segura em suas bases para nao sair abalada em sua fe'.

      Eu gostaria muito de vencer Michael Shermer num debate, mas ninguem consegue. Se os espiritos tem a chave entao guardam para eles e tudo vai para o (Song of Bernadete)

      Para quem cre, nenhuma explicacao e' necessaria.
      Para quem nao cre, nenhuma explicacao e' possivel.

      Alias os proprios espiritos elevados nao encorajam muita pesquisa quando dizem:

      "Crede-me, não vades além. Não vos percais num labirinto donde não lograríeis sair. Isso não vos tornaria melhores, antes um pouco mais orgulhosos, pois que acreditaríeis saber,
      quando na realidade nada saberíeis. Deixai, conseguintemente,
      de lado todos esses sistemas; tendes bastantes
      coisas que vos tocam mais de perto, a começar por vós
      mesmos. Estudai as vossas próprias imperfeições, a fim de
      vos libertardes delas, o que será mais útil do que
      pretenderdes penetrar no que é impenetrável.”

      Excluir
    2. Cadichon Pirilampo24 de abril de 2018 13:57

      Boa tarde, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Cristiane (23-04-2018 15:32) Permita-nos, no contexto que você brilhantemente indicou, sinalizar o artigo "Professor usa fake news para ensinar ciência na escola" (21-04-2018 - Ciência - Paula Adamo Idoeta - BBC Brasil). A articulista menciona o nome do professor: Estevão Zilioli, professor de Ciências, da cidade de Ourinhos, distando cerca de 370 km da capital do Estado! Nós, num certo momento de nossa vida, visitamos essa cidade muito acolhedora! O artigo menciona que aquele professor "...desenvolveu um curso semanal voluntário no contraturno para alunos do ensino médio. Os próprios estudantes buscam as notícias de cunho duvidoso para análise em sala de aula. A ideia é que eles próprios se perguntem: essa notícia tem fontes e dados confiáveis? Merece ser acreditada - e compartilhada?..." Bem, nobre professora, não nos surpreenderemos se a leitura do artigo possa proporcionar ideias luminosas junto aos seus alunos! Quando Inácio Ferreira questiona "Como você interpreta?!", ele também está proporcionando o que o professor Estevão Zilioli faz com os seus alunos! Parabenizamos os seus argumentos apresentados! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (17:54)!!!

      Excluir
    3. Cadichon Pirilampo25 de abril de 2018 06:16

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Anônimo (24-04-2018 07:19). Permita-nos emitir alguns "pitacos" de ignorantes das coisas espirituais e de outros temas generalizados! Antes de mais nada, considere a opção de que podemos estar enganados (repetimos a mesma ideia anterior)! Assim, selecionemos o trecho que você psicografou: "...Aliás, os próprios espíritos elevados não nos encorajam a pesquisa quando dizem "Crede-me, não vades além. (...) Estudai as vossas próprias imperfeições, (...), o que será mais útil do que pretenderdes penetrar no que é impenetrável." Primeiramente, os Amigos Espirituais não nos proíbem pesquisar qualquer coisa, pois eles mesmos orientam que "A Ciência lhe foi dada para o seu adiantamento em todas as coisas; ele, porém, não pode ultrapassar os limites que Deus estabeleceu." ["O Livro dos Espíritos" (OLE ou LE-19) - Conhecimento do princípio das coisas] Perguntar-se-á: - "Que limites Deus estabeleceu para que cada um de nós não ultrapassássemos em nossas pesquisas? Leia-se "nós" = seres humanos, espíritos, pessoas, gentes, almas, mentes, etc., visíveis e invisíveis." São as Leis da Natureza, isto é, que estão inscritas no Universo ("...o Universo, (...), é a exteriorização do Pensamento Divino, (...), dentro do limite de nossa evolução espiritual..." e que, também, estão na nossa consciência (desculpe-nos a repetição) (Albério. "Nos Domínios da Mediunidade", FEB, capítulo 1 - Estudando a Mediunidade, de André Luiz). Esse Pensamento Divino em forma de Leis soberanas e justas que os cientistas, como Albert Einstein (1879-1955) e Stephen William Hawking (1942-2018), alcançam em seus estudos e pesquisas. Conclusão lógica: esses cientistas, embora negando o Autor daquelas Leis, eles são os seus maiores defensores. Apenas o orgulho intelectual impede de admitir essa Verdade Absoluta! Neste cenário explicativo, notamos que aquela sua citação não nomeando a fonte encontra-se em OLE-14, que "iluminamos" com uma lanterna com pilha 1808: PANTEÍSMO 14. Deus é um ser distinto, ou será, como opinam alguns, a resultante de todas as forças e de todas as inteligências do Universo reunidas?" Resposta dos Orientadores Espirituais: "Se fosse assim, Deus não existiria porquanto seria efeito e não causa. Ele não pode ser ao mesmo tempo uma e outra coisa." Bem, nesta abordagem sua, você citou Michael Shermer na frase "...Eu gostaria de vencer Michael Shermer num debate..." Ficamos "curiosos" para saber quem é esse irmão encarnado, embora tenhamos conhecimento de algumas de suas ideias. Fomos para o Google e encontramos o tema "Michael Shermer/Fronteiras do Pensamento". Clicamos e encontramos o seguinte item para meditação "Michael Shermer, pesquisador e escritor. É especialista em psicologia experimental, (...). Shermer iniciou seus estudos em teologia e biologia, passando para a neurociência e psicologia. Participante assíduo (...). Desde então, passou a denominar-se cético e agnóstico, escrevendo uma dezena de livros sobre o assunto." Por essa descrição de alguém daquele site, percebe-se quem seja Michael Shermer, com o qual o irmão Anônimo quer "vencer...num debate...". Neste mesmo local de artigos, encontrar-se-á "'Duvidar é preciso': entrevista com Michael Shermer", no qual se lê como esse nobre irmão buscador de respostas para si mesmo se comunica com os outros. Seria interessante o nobre irmão Anônimo ler a Introdução XVII de "OLE", as perguntas 147, 148 e nota de Allan Kardec, bem como a Conclusão! Você mesmo pode concluir se vale a pena debater sobre coisas transcendentes com o Michael Shermer? Somos apenas um "pirilampo" na mais funda das cavernas de nosso abençoado Mundo Espiritual chamado Terra! Deus e Jesus Cristo abençoem a você e a todos no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (10:08)!!!

      Excluir
    4. > Você mesmo pode concluir se vale a pena debater sobre coisas transcendentes com o Michael Shermer?

      Se vale a pena ou nao e' questao pessoal. O tempo e' precioso.
      Uma questao que ele faz e' "porque acreditamos nas coisas que acreditamos"
      Acho que todo mundo deveria responder para si mesmo esta questao e ver
      se as bases sao boas. Quando tentei esbarrei em varios obstaculos.
      Argumentos como "porque esta' na Biblia", que dizer sobre eles?

      Um dos atrativos deste site seria a possibilidade de um canal de comunicacao
      com o outro lado. Entendo que o Dr Inacio deva ser muito ocupado.
      Mas o Dr Inacio foi um psiquiatra e Michael Shermer e' doutorado em psicologia
      com vastos comhecimentos em outras areas.
      Portanto ambos entao tem interesse em comum, os fenomenos da mente.
      Seria muito interessante ouvir os comentarios do Dr Inacio sobre
      as ideias de Michael Shermer, eu seria o primeiro a sair correndo
      para comprar o livro.

      Se o fizer, desejo sorte, nem Deepak Chopra conseguiu.

      Paz Profunda

      Excluir
    5. Boa tarde meus irmãos

      Fico até sem jeito de opinar , com a minha ignorância, abaixo das suas colocações, sempre muito sensatas e com embasamento , irmão Cadichon. Tenho aprendido muito com o irmão e lhe sou grato .

      Quando se lê a resposta dos espiritos codificadores à Kardec sobre os "limites" impostos , talvez alguns irmãos concluam apressadamente que Deus tenha "segredos" que não queira dividir conosco e nos manter na ignorância. Quando se estuda um pouco mais o Espiritismo , rapidamente se vê que é um absurdo imaginar tal coisa .

      Esses limites , são , naturalmente impostos pela evolução. Deixam claro que para a compreensão de certas coisas carecemos de desenvolver um "sentido". Os 5 sentidos estão aptos à percepção das coisas materiais e os sentidos psíquicos (em desenvolvimento na maioria dos espiritos, encarnados e desencarnados nas esferas mais "materiais" do globo terrestre ) que nos capacitam a uma investigação mais profunda dos universos invisíveis que nos envolvem e consequente constatação de sua REALIDADE . Caso o investigador honesto da Verdade não se espiritualize , penso que encontrará barreiras praticamente intransponíveis. Com todo o respeito , mas o homem que se diz cético , de fato , não busca a VERDADE , é sim quer comprovar a "sua" verdade , é seria uma perder tempo qualquer discussão.

      Deus é perfeito e , obviamente, criou Leis perfeitas .
      O universo tem mecanismos de defesa . O poder do Espírito é incalculável para nós . "Vós sois deuses" disse Jesus . Sabemos que espíritos puros são Construtores de mundos , galaxias , nebulosas , ...
      Se constroem mundos , logicamente , também poder destruir , nao é?!
      Com as faculdades intelectuais os espíritos são limitados na aquisição desses "poderes". Enquanto não se desenvolver moralmente (na área do sentimento) automaticamente lhe é vedado tomar posse de conhecimentos superiores .
      Acredito que a coisa mais difícil é aceitarmos que somos muuuuito inferiores ainda . Numa de suas Palestras o Baccelli explicou o que é víbora, do trecho do evangelho onde Jesus chama a humanidade (nós) de "raça de víboras". "Animais rastejantes"; acabou comigo , rssss.
      Pelo que entendo é o seguinte : quem Ama PODE , quem não Ama PENSA que pode !
      É isso meus amigos e podem me corrigir à vontade.

      Fiquem com Deus

      Excluir
    6. Resposta dos Orientadores Espirituais:
      "Se fosse assim, Deus não existiria porquanto seria efeito e não causa.
      Ele não pode ser ao mesmo tempo uma e outra coisa."

      Permita-me discordar. Se as coisas precisam existir primeiro para que
      possamos "montar" Deus, entao esta' correto, Ele seria efeito e nao causa.

      Mas, se tudo partiu Dele mesmo, entao ainda e' causa e nao efeito.
      Se no Principio so' existia Deus, entao tudo que existe so' pode ser Deus,
      Negar "Ex nihilo nihil fit" seria negar as proprias Leis de Deus.

      Excluir
  22. Boa tarde meus amigos .

    vai aqui a palavra de um espírito tacanho . Arrisco algo dizer pela bondade com que os irmãos nos tratam .
    Não tenho conhecimento científico mais amplo , e sobre espiritismo , somente o que as obras de Kardec, algumas de Chico Xavier(ele tem muitas) e grande
    Parte das obras do Baccelli. praticamente todas do IF. E umas e outras de outros autores . Sei que preciso abrir o leque , mas tenho grande dificuldade (leio devagar)e tem muitas obras importantes dos autores mencionados acima e que considero como prioridade.
    Bem , essa é a base do meu entendimento e comentários .
    Mas sobre novas descobertas científicas, não consigo entender "como" alguém conseguiria provar algo que já não "conhecesse" muito bem esse "algo" por antecipação . Newton não comprovou matematicamente a Lei da gravidade antes de saber da Lei. Ele já sabia , tinha certeza. Percebeu o seu mecanismo quando viu uma fruta cair da árvore . Ele "intuiu". Depois disso foi moleza . Não tenho dúvida que foi por processo semelhante com Einstein, etc . Os grandes descobridores eram , principalmente , "pensadores".
    Somente com a razão se consegue aperfeiçoar o já conhecido . O NOVO vem de altas esferas pelos canais da intuição . Aquele que se propor a comprovar cientificamente a existência do perispirito, primeiro precisa conhece-lo muito bem , mesmo sem poder ver nem tocar . E para isso os benfeitores espirituais estão sendo muito generosos .

    ABRIR OS CANAIS DA INTUIÇÃO , eis o caminho no nosso modo de ver .

    Fiquem com Deus.

    ResponderExcluir
  23. Queridos Dr. Baccelli, Dr. Inácio e equipe, e todos !

    Irmão Anônimo

    Gratidão por suas palavras.
    Identifico-me muito com você nessa sua vontade de pesquisar !

    Apenas um detalhe, não sei sobre Ciência, não sei sobre Espiritismo, não sei sobre Filosofia (De acordo com a minha definição de saber). Assim, sinto me livre para aprender (sou aprendiz e como já dizia o filósofo: “só sei que nada sei”).
    Sou uma aprendiz nesta Terra abençoada em que me oferece infinitas possibilidades de evolução. Aprender a Amar ! Só tenho a agradecer !

    Esse ânimo de descurtir com meus pares na área de minha formação até gosto, pois sou muito competitiva, mas já não é o que mais me motiva...

    Para mim, tornou-se apenas “ilusão” (No livro Nosso Lar, aqui lembro-me da cena de André revendo a sua família na Terra em que sentia saudades após ter ocorrido 11 anos de sua desencarnação: desilusão, “A verdade é inegociável” citação de Chico Xavier no livro de Baccelli).

    Tô preferindo a Vassoura, ótima companheira, faz uma bela limpeza, propícia para momentos de auto conhecimento, pois tira o foco dos outros, por incrível que pareça quanto mais voltada no auxílio ao próximo, mais nós voltamos para o nosso interior (enxergar nos por olhar o outro com bons olhos, palestra de Baccelli no YouTube “Se os seus olhos forem bons”).

    A vassoura, símbolo da feminilidade, e também, da cura: uma ferramenta bem disseminada por Dr. Inácio Ferreira que é de um avanço tecnológico extraordinário. O Dr. Inácio da qual, também, tornei uma fã do seu trabalho e do trabalho de toda sua equipe.

    O último livro que li, eu fiquei maravilhada com a pesquisa de Domingas, o livro era “A Lei da Reencarnação”, dentro de varios assuntos abordados, um tema muito discutido hoje no Brasil, nas eleições de 2018, o tema aborto, explica muito o que a Ciência ainda não atingiu.

    Vejo o “Nosso Lar” ou outra cidade espiritual como uma cidade do futuro (ainda estaremos lá, em pouco tempo e se Deus quiser !!! Cidade mais avançada tecnologicamente). Então, somos uma cópia de lá, escutei muito isso em casas espíritas, quer dizer que a ciência daqui é a cópia da Ciência de lá...

    E em Ciência lembre-se de citar nossos queridos amigos que nos instruem, senão é considerado roubo ou plágio.

    Desculpe-me usar o personalismo com você “Anônimo”, a Ciência faz a divisão, a neutralidade, o impessoal, mas a Vida não!

    Boa sorte em suas pesquisas científicas, seu trabalho!


    E um Viva a Vida !
    A Vida continua...
    Viva Kardec e Chico Xavier: Fé Raciocinada e Filosofia !

    Paz !

    Que Jesus nos ampare, nos abençoe e nos proteja !

    Um abraço fraternal
    Beijos de Luz

    Cristiane Sonia Arroyo
    Ribeirão Preto (SP)

    ResponderExcluir
  24. > E em Ciência lembre-se de citar nossos queridos amigos que nos instruem,
    senão é considerado roubo ou plágio.

    Correto, o texto citado esta' no Livro dos Espiritos.
    O Espirito que citou, nao se identificou.

    A proposito, me recomendaram aqui a Grande Sintese para
    eu me instruir melhor, e esta Grande Sintese nada mas e'
    do que Panteismo. Sobre Panteismo o mesmo espirito diz:

    Que se deve pensar da opinião segundo a qual todos os
    corpos da Natureza, todos os seres, todos os globos do
    Universo seriam partes da Divindade e constituiriam,
    em conjunto, a própria Divindade, ou, por outra, que se
    deve pensar da doutrina panteísta?

    “Não podendo fazer-se Deus, o homem quer ao menos
    ser uma parte de Deus.”

    Eu nao vou recomendar que ninguem leia Michael Shermer.
    O grande matematico Gauss sabiamente disse que e' grande
    erro demolir a fe' de alguem sem deixar algo melhor para
    preencher o vazio que fica. Se a fe' ajuda na luta da vida
    e' melhor deixar a pessoa em paz com sua fe', por mais
    absurda que pareca.

    Mas acredito que o Alto permite que Michael Shermer tenha
    o espaco que tem por uma razao. Para vence-lo precisamos
    fazer melhor, muito melhor.


    Paz Profunda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Anônimo, pelo que você já leu das obras do Inácio Ferreira, fica fácil deduzir que há 99% de probabilidade desse tal Shermer desencarnar e permanecer cético, sem perceber sequer que mudou de campo dimensional, afinal o mundo espiritual e o perispírito são matéria e Deus, a Força Primordial, nunca aparece.

      Portanto, é inútil debater com um cético, apenas o tempo faz com que cada espírito amadureça e adquira convicção transcendental.

      Sobre a obra A grande síntese, tenho a dizer que a mesma não defende o panteísmo, mas sim o monismo. A DE também, ao afirmar que Deus é a causa primária do universo. Sugiro que você pesquise na wikipedia e no dicionário Houaiss a definição de teísmo, panteísmo e panenteísmo. Os dois primeiros são antagônicos e o terceiro é uma síntese entre eles. O Espiritismo defende o panenteísmo, embora Kardec não tenha se referido diretamente a tal concepção teológica na codificação. Embora com outra abordagem, Ubaldi também é panenteísta.

      Um abraço, muita Luz!

      Excluir
  25. Queridos Dr. Baccelli / Dr. Inácio e equipe, e todos

    Boa tarde !
    Paz de Jesus Cristo !

    Meus agradecimentos querido Cadichon Pirilampo sobre o comentário Aprender e Ensinar os alunos.


    Irmão Anônimo, Michael Shermer é da área da psicologia, adepto do quantitativo (materialista) e cético (céptico: meu celular insiste em colocar esta palavra). Essa é a linha dele de pesquisa.

    Na Guerra Mundial, pessoas eram colocadas em pesquisas (materialistas) quantitativas, por exemplo, colocava um peso no braço para testar a resistência do braço até o braço fraturar. Sim, os pesquisadores de Hitler tinham os seus dados quantitativos, depois dessa atrocidade na história da Ciência, daí que surgiu a Ética na Ciência.

    A área quantitativa não se resume a números. O conhecimento, por exemplo, o número 7, um número mágico, pode ter várias interpretações: 7 anos de casamento, 7 anos de idade, 7 corpos... Volto de novo a dizer, a pesquisa qualitativa não deixa nada a dever para a pesquisa quantitativa, então apenas quando há pelo pesquisador vício: chamado em ciência de viés metodológico (procure em qualquer base de dados científica sobre: pesquisa qualitativa versus pesquisa quantitativa).

    Michael Shermer tem preferência (em minha opinião, poderia dizer viés) por pesquisa experimental em psicologia utilizando métodos quantitativos.

    Minha opinião sobre Ciência: primeiro escolhe o objeto de estudo, por exemplo: perispírito. É isso que o irmão “Anônimo” quer estudar, após essa definição, então ler a literatura científica, em seu caso, você deverá acrescentar a literatura espírita, não esqueça das citações (para não ser plágio ou roubo).

    Só uma observação sobre Chico Xavier, ele conhecia o conteúdo de um livro só ao tocar neste livro (então, aquela característica que você atribuiu somente aos espíritos, muito verificado em reuniões de desobsessão, sobre o espírito enxergar todas as partes aplica-se ao homem Chico Xavier).

    Portanto, só após escolher a metodologia para estudar seu objeto, e não escolher a metodologia antes... (uai... senão fica o rabo abanando a vaca).


    Continua...

    ResponderExcluir
  26. ... Continuação

    Deus nos deu a inteligência, para que façamos a Nossa Evolução, a nossa parte. Quando “Anônimo” você disse que os espíritos nos desencorajam a pesquisa, vejo de outra forma, como Jesus Cristo falou para Nicodemus, senão entende as coisas da Terra, como entenderá as coisas dos céus ? Não depende dos espíritos, e sim de nós os nosssos estudos. Estudo e Conhecimento não se dá por osmose (indico novamente a leitura todos os livros de Kardec, Chico Xavier, Baccelli...), este é o trabalho do pesquisador científico!

    Então, há bastante a ser feito, porque apesar de ser novo o que Kardec fez (Codificação), e Chico Xavier deu continuidade e Dr. Inácio e equipe, também escreveram, há muito ainda a ser lido, estudado e analisado dos trabalhos deles. Exemplo o livro “Nosso Lar” que serve para um iniciante e também, para um experiente, o saber vai da visão de quem ler, e adquirir essa visão faz parte de nosso grau de evolução, nosso esforço.

    Dr. Inácio e equipe são pioneiros em assuntos em que a Ciência só apresentou apenas parte material e a parte espiritual ficou descoberta (moral e das dores morais), como por exemplo, o assunto aborto, congelamento de ovos, dentre outros...

    Você obterá, os resultados !

    Não digo resultados pra enfrentar Michael Shermer, pois ele tem muitas restrições na linha de pesquisa dele, mas resultados para contribuir para a Ciência.

    Kardec em sua obra, codificação, fez sua pesquisa quando adquiriu maturidade e conhecimento.

    Kardec provou da existência de espíritos e usou a Ciência ! Professor e cientista, e também espírita.

    Com o trabalho de Kardec, muitas pessoas que eram denominadas “loucas” que estavam em manicômios foram liberadas, pois eram médiuns, tinham visões e conversavam com espíritos eram tidas como “loucas” por seus familiares.

    Penso que as Leis Divinas são o que nós cientistas chamamos de Ciência. Outra, quer queiramos ou não, essas leis Divinas atuam, elas existem.

    Então, penso também que o conhecimento não é apenas pelo Conhecimento, por exemplo, um fato histórico, a bomba atômica, em vez de gerar energia para melhorar nossa qualidade de vida, foi usada para matar.

    “Anônimo” quando disse sobre plágio e roubo, disse citar o livro, a página e os autores, no “livros dos espíritos” como você disse que o espírito não se identificou, você deve citar o nome do livro dos Espíritos e o autor(es) do livro e página. Não é porque o espírito não se identificou que não há mérito, pois questões de Ética, quase sempre nas pesquisas científicas os participantes ficam como você, “Anônimo”. Então, isso não o exime a citação do autor(es) e obra.

    E por final, “Anonimo” siga os seus sonhos ! Agora, você tem muito trabalho e muito material de Estudo para desenvolver a sua pesquisa científica, e não a pesquisa de Michael Shermer.


    Que Deus nos ampare, nos abençoe e nos proteja !

    Um Viva a Kardec, Chico Xavier e aos amigos de Chico Xavier: Fé Raciocinada e Filosofia !


    Com imenso carinho para todos !
    Um abraço
    Cristiane Sonia Arroyo

    ResponderExcluir
  27. > Com o trabalho de Kardec, muitas pessoas que eram denominadas “loucas”
    > que estavam em manicômios foram liberadas, pois eram médiuns, tinham visões
    > e conversavam com espíritos eram tidas como “loucas” por seus familiares.

    Este aqui e' um otimo ponto, que acho que o Dr Inacio, por tendencia natural
    de ser psiquiatra, poderia explicar mais. Sei que ele escreveu "Saude Mental"
    mas se analizarmos a obra trata-se apenas de medidas prudentes para conservarmo-nos
    saos. Quais sao realmente os mecanismos tecnicos da loucura?

    O fato e' que algumas pessoas realmente estao doentes e vem coisas que nao existem,
    e acreditam piamente que elas existem.
    Noutro assunto memorias podem ser implantadas de coisas que nao aconteceram.

    Se um encarnado, confinado e **amortecido** pela carne, pode se lembrar de coisas
    que nao aconteceram e acreditar que ve coisas que nao existem, o que pode acontecer
    quando a mente desequilibrada se ve solta num ambiente plastico ?????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo26 de abril de 2018 15:03

      Boa noite, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Anônimo (26-04-2018 08:49). Nesta sua participação, você psicografou: "...Quais são realmente os mecanismos técnicos da loucura?..." Muito provavelmente um questionamento direcionado ao Dr. Inácio Ferreira (IF), imaginamos! Entretanto, mesmo não tendo contato algum com o Dr. IF e não estamos autorizados por ele a responder especificamente por ele, nós, com a nossa imensa ignorância dos assuntos de Psicologia e Psiquiatria, perguntamos a você - "Não sua sabedoria, quais são realmente os mecanismos técnicos da loucura? O que é loucura?" Permita-nos citar o artigo "O distúrbio que leva uma mulher a conviver com cinco vozes em sua cabeça" (29-01-2018 - Ciência - BBC Brasil - www.bbc.com/portuguese/geral-42827481). Como você interpreta o conteúdo desse artigo? Será que essa britânica se encaixa no que você escreveu "...Se um encarnado, (...),...e acreditar que vê coisas que não existem, o que pode acontecer quando a mente desequilibrada se vê solta num ambiente plástico?????" O que se entende por "âmbiente plástico"? Deus e Jesus Cristo abençoem a você e a todos no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (19:01)!!!

      Excluir
    2. > O que se entende por "âmbiente plástico"?

      Por plastico, quero dizer com plasticidade, facilmente maleavel, como descrito na Genese de Kardec:

      "o pensamento do Espírito cria
      fluidicamente os objetos que ele esteja habituado a usar"

      "retrocedendo o seu pensamento à época seu perispírito lhes
      toma *instantaneamente* as aparências"


      Excluir
    3. > Como você interpreta o conteúdo desse artigo?

      Sou apenas um estudante.
      Nao tenho a pretensao de colocar o manto de instrutor.

      Mas vemos casos de doencas mentais decimar familias inteiras nao so' aos doentes.
      Se eu tivesse o interesse em psiquiatria e tivesse me deparado com este tipo de
      sofrimento no cotidiano da profissao, assim que desencarnado nao perderia a
      oportunidade de aprofundar meus conhecimentos e escrever ago abordando o assunto
      visto de um patamar maior.

      Sera' todo caso de loucura apenas mediunidade nao compreendida?

      Excluir
    4. Cadichon Pirilampo30 de abril de 2018 05:14

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Anônimo (27-04-2018 08:28 e 08:46). Inicialmente, agradecemos a gentileza de sua participação e resposta em 08:28. Nesta, você inverteu as frases digitadas por você e encontradas em "A Gênese, Os Milagres e as Predições segundo o Espiritismo", capítulo XIV - Os Fluidos, item 14, para fundamentar a sua resposta sobre 'ambiente plástico'. Em 08:46, você psicografou "...Sou apenas um estudante. Não tenho a pretensão de colocar o manto de instrutor..." Também nós não temos a intenção de vestir o manto de instrutor. Cada um de nós é o seu próprio instrutor, quanto quer ser realmente! Na outra frase sua, você escreveu "...Mas vemos casos de doenças mentais decimar [dizimar, matar]...Será todo caso de loucura apenas mediunidade não compreendida?" Nestes dois últimos dias, estivemos lendo o capítulo 2 de "Obreiros da Vida Eterna" (FEB), de André Luiz. Nele, certamente, você encontrará uma resposta interessante do Assistente Barcelos que, quando esteve encarnado, interessou-se pela Psiquiatria. Parece-nos que Allan Kardec (AK) mencionou algo sobre loucura e Espiritismo na Introdução de "O Livro dos Espíritos". Perdoe-nos não escrever o item dessa Introdução onde se encontra a afirmação de AK. Indo um pouco mais além dessas suas opiniões, acreditamos que a leitura em sequência dos livros do Dr. Inácio Ferreira você achará enfoques interessantes sobre o que você deseja saber! Mãos à obra! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:10)!!!

      Excluir
    5. > Parece-nos que Allan Kardec (AK) mencionou algo sobre loucura

      De fato, disse ele que pode ocorrer quando ha' predisposicao do cerebro.
      O que esta' totalmente de acordo com a noticia publicada hoje que diz ter
      uma base genetica.

      https://oglobo.globo.com/sociedade/saude/mapa-genetico-da-depressao-abre-caminho-para-novos-tratamentos-22633244

      300 milhoes de pessoas
      800 mil cometem suicidio todos os anos

      Sem duvida uma doenca terrivel.

      Certamente penso que alguns casos sejam mediunidade, mas nem todos.
      O fato e' que por alguns mecanismos da mente, pessoas existem que
      veem coisas que nao existem, o que leva a outro tipo de questao,
      o que e' real?

      A proposito, acredito ser a coincidencia da noticia de hoje um exemplo interessante de serendipity.

      Excluir
    6. Cadichon Pirilampo30 de abril de 2018 20:20

      Boa noite, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Amor! Anônimo (27-04-2018 08:28 e 08:46). Permita-nos melhorar a compreensão do nosso trecho "...Perdoe-nos não escrever o item dessa introdução onde se encontra a afirmação de AK..." Para clarear o nosso entendimento sobre a loucura de forma simples e objetiva, sugerimos ao nobre irmão Anônimo (seria interessante substituir esse rótulo por um apelido ou nome) ler os cinco parágrafos da Introdução XV de "O Livro dos Espíritos". Lendo-os e somando o conteúdo indicado por nós em 30-04-2018 05:14, certamente você compreenderá o que deseja saber! Esclarecemos que não mencionamos o item porque estávamos apressados para cumprir um determinado evento em nosso Estado! Deus e Jesus Cristo abençoem ao irmão e a todos no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (00:18)!!!

      Excluir
  28. As obras de André Luiz e alinhadas com essas as do Dr Inácio Ferreira , a meu ver , já falaram o suficiente para compreendermos essas questões com relativa clareza . Até me sinto meio psiquiatra depois de le-los. Egos em Conflito e Egos em Paz elucida muitas questões de distúrbios psicológicos patológicos . Na minha ignorância (não sou da área psicológica ou psiquiátrica) está muito claro . Quando a criatura tem uma atitude em desacordo com a consciência , automaticamente entra em desequilíbrio e dependendo da gravidade da ação contrária à Lei de Deus , e o não movimentar-se no sentido de corrigir o "erro" cometido ,o desequilíbrio se agrava e o indivíduo enlouquece . Remorsos e culpa neurótica sem a disposição de mudança intima conduz à insanidade . Me perdoem se as minhas colocações são excessivamente simplórias , mas é o que consigo apreender das referidas obras . Peço ajuda para avançar mais . Agradeço a bondade dos amigos.

    Fiquem com Deus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadichon Pirilampo27 de abril de 2018 06:51

      Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Gerson Cecatto (26-04-2018 13:21). Parabenizamos os/as seus/suas arrazoados (colocações) de Aquém!!! Muito acertados! Não acredite que elas "...são excessivamente simplórias..." Navegando nesse ritmo de entendimento e compreensão, certamente que você alcançará a "...ajuda para avançar mais..." Deixemos aos irmãos seguidores da ideia "wishful thinking" ("...tomar os desejos como realidade, e tomar decisões ou seguir raciocínios baseados nesses desejos, em vez em fatos ou na racionalidade..." (Wikipedia e outros sites) meditarem como desejam. Neste sentido ("...em fatos ou na racionalidade...", Allan Kardec (AK) escreveu em "O Livro dos Espíritos" (OLE), Introdução VII - "...Desde que a Ciência sai da observação dos fatos, (...). Não vemos todos os dias as mais opostas opiniões serem alternadamente preconizadas e rejeitadas, ora repelidas como erros absurdos, para logo depois aparecerem como verdades incontestáveis? Os fatos, eis o verdadeiro critério dos nossos juízos, o argumento sem réplica. Na ausência dos fatos, a dúvida é a opinião do homem sensato..." Estes escritos (os pensamentos vivos) do Professor AK apareceram em 18-04-1857, quando aquela obra (OLE) surgiu na Europa, precisamente em Paris - a Cidade Luz -, capital da França! Nessa linha de raciocínio, Nicolas Camille Flammarion (1842-1925) escreveu o livro "Deus na Natureza" (FEB)- em francês "Dieu dans la Nature". Paris: Didier, 5éme edition, 1869! Repetimos: "...Os fatos, (...), o argumento sem réplica...". Deus e Jesus Cristo abençoem ao nobre irmão e a todos no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (10:48)!!!

      Excluir
  29. Sobre o ambiente dos desencarnados ser "plástico" , acredito que não é bem assim. Penso que há muita fantasia a esse respeito entre os espíritas. Veja bem amigo "anônimo " ; o ambiente da cidade espiritual "Nosso Lar" não é "plástico" não . Tem indústrias e fábricas que dão "emprego" a milhares de pessoas ("Espírito e Gente" ) que trabalham normalmente, provavelmente com uma tecnologia e máquinas mais avançadas , mas só isso . A plasticidade do ambiente , bem como do perispirito é relativa . No livro "Libertação" temos : "O perispirito de todos que aí se enclausuravam , pacientes e espectadores, mostrava a mesma opacidade do corpo físico . Os estigmas da velhice , da moléstia e do desencanto , que perseguem a experiência humana, ali triunfavam, perfeitos..." . Peço maiores esclarecimentos sobre o assunto aos amigos e ao Baccelli /Dr Inácio . Obrigado

    ResponderExcluir
  30. > Tem indústrias e fábricas que dão "emprego" a milhares de pessoas

    Quanto a isto diz Kardec:

    Nessa categoria se devem incluir aqueles cujo perispírito é
    tão grosseiro, que eles o confundem com o corpo carnal,
    razão por que continuam a crer-se vivos. Esses Espíritos,
    cujo número é avultado, permanecem na superfície da Terra,
    como os encarnados, [julgando-se entregues às suas
    ocupações terrenas.] grifo

    A mente tem 3 grandes regioes: consciente, sub-consciente e inconsciente coletivo.
    Voce sabe o que o seu sub-consciente esta' pensando agora?
    Ele e' bastante poderoso e e' quase como uma outra oessoa desconhecida
    dentro de voce mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde meus amigos

      Entendo o que o amigo "anônimo " está querendo nos dizer , pelo menos imagino entender .
      Como disse é "quase" , mas não é outra entidade ou outro espírito . O subconsciente não pensa por si . Não podemos esquecer isso . São condicionamentos adquiridos no passado (vivências anteriores) que influenciam o presente . "Egos em Conflito" que reclamam paz. É semelhante a uma atividade que aprendemos de um jeito e já compreendemos que não está adequado . Precisamos mudar mas a tendência natural é repetir a maneira antiga . É como se o passado falasse , mas são nossos vícios de comportamento. Podemos estar enganados meu amigo.

      Outra coisa que não podemos confundir, também, é a capacidade de o espírito plasmar no fluido cósmico universal, agora materializar esses pensamentos , seja na Terra (nossa terra) ou nas Terras espirituais (esferas espirituais-planetas espirituais) é para espíritos que desenvoveram , ou , aprenderam , e tem grande domínio mental . Mesmo para os desencarnados , mudar o perispírito segundo a sua vontade - conscientemente - ou materializar objetos não é pra qualquer um. Bom , é isso . Vamos estudando que as coisas se esclarecem no devido tempo e de acordo com a nossa capacidade de assimilação. Reconheço que tem coisas que precisam de um tempo de maturação para ser assimilado. No meu caso o tempo necessário é bem maior .kkk . Espírito cabeça de bagre que sou .obrigadopela paciência .

      Fiquemcom Deus

      Excluir
    2. Cadichon Pirilampo30 de abril de 2018 20:38

      Boa noite, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Anônimo (30-04-2018 07:54). Permita-nos mencionar corretamente o trecho de Allan Kardec (AK) citado por você. Encontra-se no item 9 do capítulo XIV - Os fluidos. AK inicia-o como "9. A natureza do envoltório fluídico está sempre em relação com o grau de adiantamento moral do Espírito. Os Espíritos inferiores não podem mudá-lo ao seu bel prazer e, (...). Nessa categoria [Espíritos inferiores] (...)" Nos dois parágrafos seguintes, AK disserta sobre os Espíritos superiores! Você perguntou: "...Você sabe o que seu sub-consciente está pensando agora?..." Nós devolvemos a mesma para você: "...Você, Anônimo, sabe o que seu subconsciente está pensando neste momento?..." Perdoe-nos intrometer-nos no seu diálogo com o Gerson Cecatto. Sua última frase pode ser esclarecida lendo "Egos em Conflito" (LEEPP) e "Egos em Paz" (LEEPP), de Inácio Ferreira! Deus e Jesus Cristo abençoem a você e a todos no seu campo de energia espiritual! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (00:37)!!!

      Excluir
    3. O que acontece e' isto: um espirito quer trocar de roupa.
      Vai entao ao armario, e la' encontra roupas novas limpas
      e passadas. Poucos se perguntam de onde vieram estas roupas?
      Quem fabricou e comprou? Quem lavou ou passou? So' sabem que
      ao ir no armario "magico" la' elas estao. Da mesma forma
      quando precisam de um lapis e papel, de alguma forma eles
      aparecem em algum lugar. Quem fabricou o lapis, de que
      industria de corte de arvores veio aquele papel?

      Robert Monroe era um dos nossos, quero dizer encarnado,
      mas em dado momento de sua via, ficou capaz de desdobramento
      astral. De mentalidade cientifica passou a pesquisar o ambiente
      e escreveu livros muito interessantes onde se deparou com coisas
      que desapareciam assim que entendidas. Fundou o The Monroe Institute.
      Em suas viagens chegou a uma regiao com a exata plasticidade
      descrita por Kardec.

      Charles Webster Leadbeater disse que o plano astral e' real,
      mas nao e' exatamente o que seus proprios habitantes pensam
      que seja.

      Ate' que ponto o ambiente espiritual plastico e' produto do
      subconsciente? Digo nao num esforco deliberado de vontade para
      criacao de objetos, mas criacao mental subconsciente?

      Da Genese de Kardec temos:

      Lá, porém, como neste mundo, somente aos Espíritos
      mais esclarecidos é dado compreender o papel que desempenham
      os elementos constitutivos do mundo onde eles se
      acham. Os ignorantes do mundo invisível são tão incapazes
      de explicar a si mesmos os fenômenos a que assistem e
      [para os quais muitas vezes concorrem maquinalmente] grifo




      Excluir